Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Medicina (FM) >
FM - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/1013

Título: Dor crónica pediátrica em Portugal : caracterização da situação
Autor: Gonçalves, Ana Luísa Vieira Rodrigues, 1960-
Orientador: Tavares, Jorge Castro
Fonseca, João Eurico Cortez Cabral da, 1969-
Palavras-chave: Dor
Dor intratável
Pediatria
Criança
Análise estatística
Teses de mestrado
Issue Date: 2009
Resumo: Da escassa prática clínica em dor crónica pediátrica em Portugal, surgiu a necessidade de fazer um levantamento da realidade nacional. Procedeu-se à elaboração de um questionário, dirigido aos médicos que tratam dor crónica pediátrica em consultas de doze hospitais do país, com o objectivo de avaliar a prevalência de dor crónica nas crianças observadas em consulta durante os meses de Junho, Julho e Agosto de 2007, identificar os subgrupos dessa população, saber qual a especialidade em que foram observadas, identificar o quadro doloroso subjacente, a patologia de base e determinar o seu comportamento. Concluiu-se que o levantamento foi um instrumento útil e de fácil aplicação pelos profissionais de saúde ligados à dor crónica, permitindo questionar uma nova abordagem desses doentes e até mesmo a criação de uma consulta direccionada exclusivamente para a dor crónica pediátrica, já que em Portugal não há nenhuma em funcionamento. Foram obtidas 117 respostas a nível nacional, tendo sido possível realizar uma análise estatística desses dados. Concluiu-se que as crianças não eram geralmente seguidas em consultas multidisciplinares, sendo 42% observadas na especialidade de Reumatologia. A predominância foi do sexo feminino (62,4%), 43,7% tinham como patologia de base uma doença reumática; 55% dos doentes estavam polimedicados, e em 56% a dor interferia com a sua vida diária. Embora denotando diferenças entre os 12 hospitais inquiridos, documentou-se que a dor crónica pediátrica deve ser encarada como um problema de saúde pública em Portugal, sendo necessário implementar novas medidas para o seu tratamento, nomeadamente a criação de consultas especializadas e multidisciplinares, que não existem em Portugal.
Due to a poor medical experience on paediatric chronic pain in Portugal the need of carrying out a national survey came up. W e decided to elaborate a questionnaire adapting it to the Portuguese reality. The goal of this survey was to: evaluate the prevalence of the chronic pain in children who were observed in medical appointments in June, July and August 2007; identify the subgroups of this population and know in which medical speciality they had been observed; identify the subjacent painful syndrome, the background pathology and determine its behaviour. The questionnaire was addressed to doctors who give medical care to these children in different medical appointments in twelve hospitals throughout the country. 117 replies were obtained. We concluded that most of the children were not being followed up by multidisciplinary clinics. In fact 42% were being treated by Rheumatologists as 43,7% had rheumatic diseases. Most of the children were female (62,4%), were being exposed to several drugs (55%) and in a substantial proportion (56%) pain was interfering with daily life activities. We came to the conclusion that the survey was a useful and helpful instrument, easy to apply by the health professionals who work in the area of chronic pain, creating pathways for a new approach to these patients and highlighting the need for special clinics directed exclusively to paediatric chronic pain, which are absent in Portugal.
Descrição: Tese de mestrado em Ciências da Dor, apresentada à Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, 2009
URI: http://sibul.reitoria.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000549772
http://hdl.handle.net/10451/1013
Appears in Collections:FM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
17223_Mestrado_2008.pdf515,12 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia