Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/10404
Título: Conflito interparental, vinculação aos pais e competências sociais do jovem adulto
Autor: Gouveia, Marita João Carreira
Orientador: Afonso, Maria Helena dos Santos, 1957-
Palavras-chave: Conflito interparental
Vinculação
Competências sociais
Jovens adultos
Teses de mestrado - 2013
Data de Defesa: 2013
Resumo: Este estudo pretende explorar de que forma o conflito interparental se relaciona com a qualidade da vinculação ao pai e à mãe e com as competências sociais dos jovens adul-tos. Os principais objetivos desta investigação são avaliar as perceções dos jovens adul-tos acerca do conflito interparental, da sua vinculação ao pai e à mãe e das suas compe-tências sociais e analisar a relação entre estas variáveis. Adicionalmente pretende-se determinar variações na qualidade da vinculação e competências sociais em função da perceção do conflito interparental, do estatuto conjugal dos pais e género. Os dados foram recolhidos mediante a resposta online a um conjunto de três instrumentos aplica-dos a uma amostra de conveniência constituída por 200 jovens adultos com idades com-preendidas entre os 18 e os 25 anos, de ambos os sexos. Os resultados mostram uma correlação negativa entre o conflito interparental e a qualidade da vinculação ao pai e à mãe e as competências sociais. Verificaram-se diferenças em função do género na qua-lidade do vínculo aos pais, apresentando as raparigas uma maior ansiedade de separação face a ambos os progenitores e no conflito interparental uma maior perceção da ameaça. Os jovens filhos de pais divorciados percecionam os conflitos interparentais como mais destrutivos e ameaçadores e apresentaram-se menos inibidos na expressão da sua indi-vidualidade.
This study intends to explore how interparental conflict relates to the quality of attachment to father and mother and social skills among young adults. The main objectives of this research are to evaluate the perceptions of young adults about interparental conflict, their attachment to father and mother and their social competencies and analyze the relationship between these variables. Additionally, we intend to determine variations in the quality of attachment to parents and social skills due to the perception of interparental conflict, parental marital status and gender. Data were collected online by response to a set of three questionnaires administrated to a sample of convenience consisting of 200 young adults aged between 18 and 25 years, from both sexes. The results show a negative correlation between interparental conflict and the quality of the attachment to father and mother, and the social skills. There were gender differences in the quality of the attachment to parents, giving girls greater separation anxiety from both parents and greater perception of threat in the interparental conflict. The young adults who are children of divorced parents perceive interparental conflicts as more destructive and threatening and are less inhibited in expressing their individuality .
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicoterapia Cognitiva-Comportamental e Integrativa), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2013
URI: http://hdl.handle.net/10451/10404
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie046341_tm.pdf896,79 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.