Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Medicina (FM) >
FM - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/1079

Título: Estudo sobre a actividade física e excesso de peso e obesidade em alunos da escola secundária Dr. Ângelo Augusto da Silva
Autor: Jardim, Avelino Reinaldo Fernandes, 1972-
Orientador: Almeida, Maria Leonor Quinhones Levy Gomes Albuquerque de, 1949-
Palavras-chave: Saúde escolar
Obesidade
Actividade motora
Excesso de peso
Adolescentes
Amostragem
Análise estatística
Teses de mestrado
Issue Date: 2009
Resumo: O presente trabalho consiste na apresentação de um estudo, aplicado em alunos da Escola Secundária Dr. Ângelo Augusto da Silva. Procurámos estabelecer um paralelo entre a AF, profissão dos Encarregados de Educação e seu nível de escolaridade; verificar quais as AF mais praticadas segundo o género, dentro das actividades organizadas, não organizadas e sedentárias; aferir quais as actividades sedentárias mais frequentes segundo o género, apurar quais as razões para não praticar AF; verificar se existe influência da TV e da prática da AF em relação ao excesso de peso e obesidade e finalmente aferir os comportamentos alimentares. A amostra foi constituída por 106 adolescentes de ambos os sexos da referida escola. A AF, bem como os comportamentos alimentares foram avaliados através de questionário. Na classificação de sujeitos com excesso de peso e obesidade, utilizámos os valores de referência apresentados por Cole94, e para a % MG,86 recorremos à categorização sugerida por Lohman87 . Os principais resultados aferidos são: não existe associação directa entre a profissão dos encarregados de educação com realização de exercício físico, mas verifica-se em relação ao nível existe nível de escolaridade dos mesmos; os rapazes realizam exercício físico com mais regularidade do que as raparigas; existem diferenças entre rapazes e raparigas na escala que mede as atitudes de encorajamento aos outros para a prática de AF; a actividade organizada mais praticada pelos rapazes e raparigas é o futebol/futsal; nas actividades não organizadas, a mais frequente é andar a pé; as actividades sedentárias mais apontadas pelos alunos são ouvir música, navegar na Internet, ver televisão ou vídeo e fazer os trabalhos de casa; não se verifica uma relação estatisticamente significativa entre ver TV e a prática do exercício com o excesso de peso e obesidade; não existe uma relação estatisticamente significativa entre ver TV e o e
The present work consists in the presentation of one study, applied in students of Dr. Ângelo Augusto da Silva Secondary School. We aimed to establish a parallel between the AF, the carer's occupation and level of schooling; to verify the AF most practiced by gender inside of the organized, not organized and sedentary activities; to determine which are the sedentary activities most frequent according to gender, to assess the barriers that hinder the involvement in a AF, to verify if TV influences the practice of AF relatively to overweight and obesity and finally to survey eating behaviors. The sample comprised 106 adolescents of both genders attending the previous school. The Physical activity, as well as the eating behaviors were evaluated through questionnaire. In the classification of students with overweight and obesity we used the reference values presented by Cole94, and for the % of MG86 we used the categorization suggested by Lohman87. The main results are: there is no association between the carer's occupation with the practice of Physical activity, but the level of schooling influences the practice of AF; boys practice physical exercise more regularly than girls; there are differences between boys and girls in the scale that measures the attitudes of encouraging others to practice of AF; the organized activity more practiced among boys and girls is the futsal/soccer; the non-organized activity more frequent is to walk; the sedentary activities more pointed by the students are to listen to music, to browse the web, to watch television or video and to do the homework; we did not verify a statistical significant relationship between watching TV and the practice of exercise with overweight and obesity; there isn't a statistical significant relationship between watching TV and overweight and obesity but there is a significant relation between watching TV and the % of MG; there are no significant statistical differences in eating behaviors of boys and
Descrição: Tese de mestrado, Saúde Escolar, 2009, Universidade de Lisboa, Faculdade de Medicina
URI: http://hdl.handle.net/10451/1079
Appears in Collections:FM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
17396_tese_Reinaldo_Jardim.pdf2,09 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE