Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/10918
Título: Esferas de influência na avaliação de professores : das políticas avaliativas às conceções e práticas de avaliação numa escola básica e secundária
Autor: Jacinto, Maria Manuela Gomes
Orientador: Sanches, Maria de Fátima Chorão da Fonseca Cavaleiro, 1937-
Galvão, Cecília, 1955-
Palavras-chave: Teses de doutoramento - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: Fundamentando-se na perspetiva sistémica e fenomenológica, o estudo pressupõe que a implementação do modelo de avaliação docente (DR nº2/2010) envolve múltiplas esferas de influência no processo de transformação da política de avaliação e apresenta implicações na profissionalidade docente. Com base nestes pressupostos, a investigação pretende caraterizar: a) contextos políticos de escola anteriores à implementação do DR nº2/2010; b) micropolíticas internas emergentes ao longo do ciclo avaliativo; c) processos desenvolvidos no planeamento e operacionalização da avaliação; d) conceções e competências de supervisão avaliativa; e) julgamentos e decisões na ação de avaliar; e f) potencialidades e limitações do modelo de avaliação. O processo de avaliação profissional congrega três níveis de leitura interpretativa: macro (contexto legislativo) meso (contexto político-organizacional-avaliativo de escola) e micro (conceções e práticas de supervisão avaliativa). Privilegiaram-se processos qualitativos de análise e recolha de dados provenientes de: entrevistas realizadas a avaliadores de topo, relatores e professores, de reuniões da Comissão de Avaliação/Júri e de conferências de supervisão avaliativa. Relativamente à dimensão político-organizacional-avaliativa salientam-se os seguintes resultados: i) diversidade de contextos e lógicas processuais, de cariz crítico-interpretativo, técnico-normativo e colegial na implementação do modelo de avaliação; ii) prevalência do controlo burocrático-normativo na regulação profissional; iii) predomínio duma racionalidade técnica nos instrumentos de avaliação da profissionalidade docente, valorizadora da medida e do quantitativo; e iv) aprendizagem da avaliação conducente ao aparecimento duma cultura de avaliação na escola. Na dimensão supervisiva-avaliativa destacam-se os seguintes aspetos: a) coexistência e multiplicidade de conceções e competências de supervisão avaliativa com maior representatividade das técnico-normativas; e b) prevalência duma supervisão reguladora direcionada para o cumprimento dos padrões nacionais e locais de competência profissional. Conclui-se que a implementação sistémica da política central de avaliação docente é marcada quer pela fidelidade normativa em termos organizacionais e supervisivos-avaliativos, quer pela autonomia profissional face à regulação interna e externa (DR nº2/2010).
Based on the sytemic and phenomenological perspective, the study assume that the implementation of teachers´evaluation system (Decree nº2/2010) enlarge multiples spheres of influence in the process of transformation the evaluation policy and have consequences into teacher professionalism. Based on these assumptions, the study purposed to characterize: a) politics contexts of school before the implementation of Decree nº2/2010; b) micro-politics inside the school that emerge during the evaluation cycle; c) processes developed during the planning of evaluation system and its operacionalization; d) conceptions and skills of evaluative supervision; e) judgements and decisions taken in evaluation action; and f) potentialities and limitations of the evaluation model. The process of professional evaluation is perceived in three levels of explanatory reading: macro (legislation framework); meso (political-organizational school context) and micro (conceptions and practices of evaluative supervision). The data analysis included: observation of the meetings attended by the Committee of Evaluation/Evaluation Jury; observation of the supervision meettings between evaluators and teachers and interviews to evaluators and teachers. Regarding the political-organizational dimension of evaluation, the analysis identified the following points: i) plurality of contexts and process logics: critical-interpretative, technicalnormative and collegial in the implementation of the evaluation system; ii) prevalence of bureaucratic-normative control in the professional regulation; iii) predominance of a technical rationality in the evaluation instruments, enhanced by quantitative mesures; e iv) evaluation apprenticeship developed to professional evaluation cultures. Results pertaining to the evaluative supervision dimension highlighted the following aspects: a) co-existence of multiple conceptions and skills of evaluative supervision, with prevalence of the technical ones; e b) regulatory supervision based on the performance standards, settled at local and nacional level. Conclusions point out that the systemic implementation of the evaluation system is characterized by normative loyalty in organizational and supervision processes but also by professional autonomy, regarding the internal and external normative regulations.
Descrição: Tese de doutoramento, Educação (Supervisão e Orientação da Prática Profissional), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/10918
Aparece nas colecções:IE - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulsd068043_td_Maria_Jacinto.pdf4,28 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.