Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/10954
Título: Das ciências naturais à genética : a divulgação científica na revista brotéria (1902-2002) e o ensino científico da companhia de Jesus nos séculos XIX e XX em Portugal
Autor: Romeiras, Francisco Maria de Sousa de Macedo Malta, 1986-
Orientador: Leitão, Henrique, 1964-
Palavras-chave: Companhia de Jesus
Brotéria
Ciência - História
Teses de doutoramento - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: A Companhia de Jesus foi fundamental para o ensino, prática e divulgação da matemática e da astronomia na Europa e no Oriente, desde o século XVI até ao século XVIII.Entre 1540 e 1759,os jesuítas estabeleceram em Portugal uma vasta rede de colégios, chegando a ser responsáveis pela educação de cerca de 20000 alunos.Com a expulsão pombalina,em 1759,os seus colégios foram encerrados e o ensino foi secularizado.Nos anos que se seguiram,Pombal foi responsável pela montagem de uma enorme campanha política em que os jesuítas eram apresentados como o maior obstáculo ao progresso científico no nosso país.As acusações de obscurantismo,comummente aceites no século XVIII,acabariam por se perpetuar até ao século XIX.Por esta razão,quando se restabeleceram em Portugal,em meados do século XIX,os jesuítas procuraram recuperar a sua credibilidade científica,focando-se no ensino e na prática das ciências.Neste período,estabeleceram duas instituições que foram fundamentais para o ensino das ciências naturais em Portugal: o Colégio de Campolide (Lisboa,1858) e o Colégio de São Fiel (Louriçal do Campo,1863);e fundaram a Brotéria,uma revista científica com artigos de investigação original.Considerada uma das mais importantes publicações científicas portuguesas do século XX,a Brotéria publicou cerca de 400 artigos de popularização e mais de 1300 artigos de investigação em zoologia,botânica,bioquímica e genética molecular.Baseada nas histórias do Colégio de Campolide, do Colégio de São Fiel e da revista Brotéria,esta tese foca-se,sobretudo,nas razões que levaram uma ordem religiosa a empenhar-se tão activamente no ensino e na prática das ciências,e no impacto que este empreendimento teve para a ciência em Portugal.
The Society of Jesus was one of the most important institution involved in the teaching and practice of mathematics and astronomy in the 16th, 17th and 18th centuries in Europe and East Asia.In Portugal,from 1540 to 1759,the Jesuits developed and maintained a vast network of colleges and were responsible for the education of around 20000 pre-university students. With the expulsion of the Orderby the Marquis de Pombal,in 1759,the Jesuit colleges were closed and the educational system was dismantled.The secularization of the educational system was accompanied by a massive political campaign in which the Jesuits were considered the major obstacle to scientific progress.This accusation of obscurantism and scientific illiteracy was largely accepted in Portugal in the 18th century and persisted throughout the 19th century.When the Jesuits returned to Portugal,in the 1850s,in order to recover their scientific and social credibility,they made scientific education and research a priority.Among their initiatives,they founded the colleges of Campolide (Lisboa,1858) and São Fiel (Louriçal do Campo,1863),two of the most important secondary schools in Portugal that made relevant efforts in the teaching of science,and established Brotéria,a scientific journal with original research papers.Considered one of,the most significant learned journals printed in Portugalin the 20th century,it published 400 popularization articles and more than 1300 research papers on zoology,botany,biochemistry and molecular genetics.By analyzing the scientific and pedagogical activities of the Portuguese Jesuits in the 19th and 20th century,I expect to shed some light into the outer tensions and the inner desires that led a religious order to deeply engage in scientific practices in order to recover its social and scientific credibility.
Descrição: Tese de doutoramento, História e Filosofia das Ciências, Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/10954
Aparece nas colecções:FC - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
td_Francisco_Romeiras.pdf53,97 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.