Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/11686
Título: O ensino online nas instituições de ensino superior privado. As perspetivas : docente e discente e as implicações na tomada de decisão institucional
Autor: Martinho, Domingos Santos, 1954-
Orientador: Jorge, Idalina Ferreira Martins Pereira Guerreiro, 1952-
Palavras-chave: Teses de doutoramento - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: O objetivo desta investigação consistiu em estudar, sobre as perspetivas docente e discente, a forma como o ensino online pode ser incorporado nas instituições de ensino superior tradicionais de modo a contribuir para a sua mudança. A investigação empírica, assente em métodos quantitativos e qualitativos de recolha de dados, teve a participação de 289 professores e de 732 estudantes de 11 IES privadas aos quais se aplicou um questionário. Desenvolveu-se, ainda, uma experiência de ensino com componente online numa das instituições onde decorreu o estudo que teve a participação de três professores e 108 estudantes. Esta experiência foi avaliada através de entrevista aos docentes e de questionário e entrevista aos estudantes. Foram utilizados diferentes tipos de análises estatísticas, como sejam a análise descritiva – univariada e bivariada, análise fatorial e equações estruturais. Os dados qualitativos foram analisados através das técnicas de análise de conteúdo. As conclusões da investigação sugerem que os docentes do ensino superior têm relutância em introduzir o ensino online nas suas práticas de ensino e quando o fazem, são impelidos, sobretudo, por motivações extrínsecas, relacionadas com o interesse para a instituição e para os estudantes. As competências tecnológicas são um fator crítico na adoção do ensino online pelos professores que têm consciência de que este lhes exige mais tempo de trabalho do que o ensino presencial. Em relação aos estudantes, os resultados revelam que, no momento de escolher um curso online, se preocupam com a reputação da escola e do curso, mas que essa decisão é influenciada, principalmente, pelos aspetos relacionados com a flexibilidade e os custos. O preconceito dos estudantes em relação ao ensino online tende a diminuir depois de terem experimentado essa forma de distribuição. A informação disponibilizada aos decisores e outras partes interessadas contribuiu para a tomada de decisão informada, evidenciando a relevância e a oportunidade do investimento no ensino online.
The aim of this research was to study the perspectives both of faculty and students about how online learning can be integrated in traditional Higher Education institutions, in order to contribute for their change. This is an empirical research based both on qualitative and quantitative data collection methods, with the participation of 289 professors and 732 students of 11 private Higher Education Institutions, where a survey was applied. A course based on face to face and online learning was designed in one of the Higher Education institutions where the research took place, with the participation of three professors and 108 students. This experience was evaluated through a survey applied to the students and two focus group interviews with the professors and the students. Several procedures of statistical analysis were carried out, such as descriptive statistics, both univariate and bivariate, factor analysis and structural equations. The qualitative data were analyzed through content analysis techniques. The research results suggest that Higher Education teachers staff are reluctant to introduce online teaching in their teaching practices, and are mostly driven to online instruction by extrinsic motivations, such as the institution’s and students interests. In addition, we can conclude that technological skills are a critical factor for the adoption of online teaching and that faculty is aware of online teaching being more time consuming than face to face teaching. As for the students, the research results show evidence of the school and course reputation being influential, although the decision for online instruction is mostly related to its features, such as flexibility and costs. The research results also show that the students’ prejudice towards online instruction tends to diminish in result of a previous experience in online learning. The research results provide thorough information for decision makers and stakeholders about the relevance and opportunity of investing in online instruction and contribute to an informed institutional decision.
Descrição: Tese de doutoramento, Educação (Tecnologias da Informação e Comunicação na Educação), Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/11686
Aparece nas colecções:IE - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulsd068758_td_Domingos_Martinho.pdf7,1 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.