Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/12196
Título: Modelo de autocuidado para pessoas com 65 e mais anos de idade, necessidades de cuidados de enfermagem
Autor: Fonseca, César João Vicente da
Orientador: Lopes, Manuel José
Palavras-chave: Teses de doutoramento - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: Constatamos que a população com 65 e mais anos de idade tende a, exponencialmente, ter uma maior representatividade demográfica a nível mundial, sendo que tal se observa especialmente nos países do sul da Europa, sobretudo em Portugal. Várias organizações e diversas teorias sugerem o estudo do comportamento de autocuidado como um indicador de previsão das necessidades de cuidados daquele grupo etário em distintos contextos, para a reorganização dos cuidados de saúde em geral e de enfermagem em particular. Objetivos: Avaliar a funcionalidade das pessoas com 65 e mais anos de idade da região do Alentejo; Padronizar a funcionalidade em função da idade; Definir as necessidades de cuidados de enfermagem em função dos diferentes níveis de funcionalidade, com base num modelo de autocuidado. Metodologia: Estudo I: estudo transversal, descritivo; amostra aleatória, estratificada, com 931 pessoas com 65 e mais anos de idade; nível de confiança de 95%; margem de erro de 3,2%; levado a cabo na região do Alentejo. Estudo II: estudo transversal, descritivo; amostra de conveniência, com 427 pessoas com 65 e mais anos de idade; levado a cabo nas ECCI’s de Odivelas e da região do Alentejo Litoral, na UCC do Redondo e no Lar de Idosos dos SAMS. No decurso dos estudos, utilizámos diversas técnicas que permitiram construir e analisar a sensibilidade, fidelidade e validade do Core set dos Idosos (CSI) e do Elderly Nursing Core Set (ENCS). Resultados: Na região do Alentejo, do ponto vista médio, em relação ao comportamento de autocuidado, as pessoas no grupo etário dos 65 aos 84 anos de idade situam-se em autocuidado na atividade e as pessoas com 85 e mais anos de idade situam-se em défice de autocuidado terapêutico moderado. No cômputo geral, as pessoas do sexo feminino, com o estado civil de viuvez, que não sabem ler/ não frequentaram a escola, com 85 e mais anos de idade, baixo peso (IMC), com défices emocionais e auditivos e com situação económica não conducente à satisfação das necessidades de alimentação, habitação e saúde, apresentam maior nível de problema. No segundo estudo, verificámos diferenças estatisticamente significativas entre as necessidades de cuidados de enfermagem, ao nível dos sistemas de apoio educativo e de compensação parcial ou total, e o contexto onde a pessoa está inserida. Observámos necessidades de cuidados de enfermagem mais evidentes ao nível da ECCI da região do Alentejo Litoral e de Odivelas, seguidas do Lar de Idosos dos SAMS e, por fim, da UCC do Redondo. Conclusão: Propomos a avaliação das necessidades de cuidados de enfermagem das pessoas com 65 e mais anos de idade com base na apreciação do comportamento de autocuidado, descrito no M65+Autocuidado por uma estrutura conceitual em que se integra a avaliação do autocuidado, a capacidade funcional e capacidade de conhecimento.
We assumed that the population over 65 years old tend have an exponentially superior demographic representation worldwide, particularly in the southern countries of Europe and mainly in Portugal. A number of organizations and different theories propose that the study of the behavior of self-care can result in a predictive indicator of care needs for that age group in different contexts, as a mean for the reorganization of health care in general, above all as far as nursing is concerned. Objectives: To assess the functionality of people over 65 years old in the region of Alentejo (Portugal); To standardize the concept of functionality depending on age; To describe the needs for nursing care according to the different levels of functionality, established on a model of self-care. Methodology: Study I: cross-sectional, descriptive, stratified random sample, with 931 people over 65 years of age; confidence level of 95 %, a margin of error of 3.2 %; carried out in the Alentejo (Portugal). Study II : cross-sectional, descriptive, convenience sample, with 427 people over 65 years of age, carried out in the Continuing Care Units (CCU) of Odivelas (Portugal) and Alentejo Litoral (Portugal), in the CCU of Redondo (Portugal) and in a Home for the Elderly of SAMS (Medical and Social Assistance Services). Throughout our studies, we applied several techniques which allowed building and analyzing sensitivity, reliability and validity of Core Set of Indicators for the Elderly (CSI) and the Elderly Nursing Core Set (ENCS). Results: In Alentejo and regarding self-care behavior, people in the age group 65 to 84 years old show self-care activity and those who have 85 years old and more present moderate therapeutic self-care deficit. Overall, females, widows, who cannot read/ did not attend school, with 85 and more years old, underweight (BMI), with deficits and impaired emotional and economic situation that cannot satisfy needs of food, housing and health, show higher levels of problems. In the second study, we found statistically significant differences between the needs for nursing care, the level of educational support systems and partial or total compensation as well as the insertion context. The needs for nursing care are more evident at the level of the CCU region of Alentejo Litoral and Odivelas, followed by the Nursing Home of SAMS and, finally, by the CCU of Redondo. Conclusion: We recommend the evaluation of nursing care needs of people over 65 years of age based on the assessment of self-care behavior, described in M65+SelfCare for a conceptual framework which would incorporate the assessment of self-care, functional capacity and knowledge capacity
Descrição: Tese de doutoramento, Enfermagem, Universidade de Lisboa, com a participação da Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/12196
Designação: Doutoramento em Enfermagem
Aparece nas colecções:REIT - Teses de Doutoramento (Enfermagem)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulsd069058_td_tese.pdfTese2,99 MBAdobe PDFVer/Abrir
ulsd069058_td_anexos.pdfAnexos15,1 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.