Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Ciências (FC) >
FC - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/1370

Title: Distribution and biology of black scabbardfish (Aphanopus carbo Lowe, 1839) in the Northwest of Africa
Authors: Perera, Clara Borges
Advisor: Gordo, Leonel Paulo Sul de Serrano
Santamaría, Maria Teresa García
Keywords: Pesca
Peixe-espada preto
Teses de mestrado
Issue Date: 2008
Abstract: Black scabbardfish (Aphanopus carbo Lowe, 1839) is a benthopelagic species from the Family Trichiuridae that presents a global distribution and is object of an increasing commercial interest. Thus, this study seeks to contribute to the knowledge of the biology of A. carbo distributed in the Norwest Africa, and also helping in the understanding of this species in a more global level. In this work the following aspects are focussed: spatial distribution, size and sex structure, maturity, length-weight relationship and growth, in the area between Tangier and Cape Blanc (35ºN-21ºN). In a general way, A. carbo is distributed between 700 and 1 700 m, although it was more abundant between 800 and 1 400 m, diminishing progressively with depth. The highest captures were obtained between 1 000 and 1 200 m. Regarding size distribution, a bimodal distribution in all the study area was observed, occurring a general trend of size increase with depth, being the mean length of females larger than males. Concerning proportion of sexes, females were always more numerous than males in all the study area. Regarding maturity, percentages of spawning individuals were always superiors in males, what could indicate an advance of males in the spawning period in relation to females. In accordance with the high percentages of resting, pre-spawning and spawning individuals and the low percentages of post-spawners found in the study period (November), it could be said that spawning in this area would probably begin in the early December. The analysis of the length-weight relationship showed a positive allometry in this species. On the other hand, females always reached higher size and weight than males. Finally, from the results obtained in the study of the age and growth the following parameters were estimated: for males, L∞=119 cm, K=0.469 year-1 and t0=-0.385 year; females: L∞=125 cm, K=0.377 year-1 and t0=-0.850 year; and sexes combined: L∞=122 cm, K=0.415 year-1 and t0=-0.645 year
O peixe espada-preto (Aphanopus carbo Lowe, 1839) é uma espécie bentopelágica pertencente à Família Trichiuridae que apresenta uma distribuição global e com um interesse comercial crescente. Por esta razão, este estudo pretende contribuir para aumentar o conhecimento da biologia de A. carbo no noroeste de África (entre Tânger e Cabo Branco (35ºN-21ºN)), acrescentando assim mais informação para uma área de que não se dispunha de dados. Neste trabalho abordam-se aspectos relacionados com a distribuição espacial, estrutura por sexo e comprimento, maturação sexual, relação comprimento-peso e idade e crescimento. De uma maneira geral, A. carbo distribui-se entre 700 e 1 700 m, ainda que tenha sido mais abundante entre 800 e 1 400 m, diminuindo a abundância progressivamente com a profundidade. As maiores capturas foram obtidas entre os 1 000 e 1 200 m. Relativamente à distribuição de comprimentos, observou-se uma distribuição bimodal em toda a zona de estudo, com uma tendência geral do aumento do comprimento com a profundidade, sendo normalmente o comprimento médio das fêmeas superior ao dos machos. No que se refere à proporção de sexos, as fêmeas foram sempre mais numerosas do que os machos em toda a área de estudo. Com respeito à maturação sexual, as percentagens de machos em postura foram sempre superiores às fêmeas, o que poderá indicar um desenvolvimento mais precoce dos mesmos no período de reprodução. As altas percentagens de indivíduos em estado de repouso, pré-postura e postura, e as baixas percentagens em estado de pós-postura encontrados na época de estudo (Novembro), poderá significar que a postura, nesta zona, iniciar-se-á provavelmente em princípios de Dezembro. A análise da relação comprimento-peso revelou a existência de uma alometria positiva nesta espécie. Por outro lado, as fêmeas atingiram sempre maior comprimento e peso do que os machos. Finalmente, dos resultados obtidos no estudo da determinação da idade e crescimento estimaram-se os seguintes parâmetros: para machos, L∞=119 cm, K=0.469 ano -1 e t0=-0.385 ano; fêmeas: L∞=125 cm, K=0.377 ano-1 e t0=-0.850 ano; e totais, L∞=122 cm, K=0.415 ano-1 e t0=-0.645 ano
Description: Tese de mestrado, Biologia (Biologia e Gestão de Recursos Marinhos), 2008, Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000566947
http://hdl.handle.net/10451/1370
Appears in Collections:FC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
20088_ulfc080545_tm.pdf1.5 MBAdobe PDFView/Open
20089_ulfc080545_tm_Annex I-SP.pdf322.26 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE