Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Ciências (FC) >
FC - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/1406

Título: Identificação e caracterização dos mecanismos envolvidos na formação, regulação e morfogénese de um epitélio polarizado:uma abordagem forward genetics
Autor: Ferreira, Tânia Catarina Cidade Costa Silva
Orientador: Martinho, Rui
Thorsteinsdóttir, Sólveig
Palavras-chave: Biologia celular
Células epiteliais
Teses de mestrado
Issue Date: 2007
Resumo: A integridade epitelial é essencial ao desenvolvimento animal. Nas fases iniciais do desenvolvimento embrionário de Drosophila melanogaster há a formação de novo de um epitélio embrionário, através de um processo conhecido como celularização da blastoderme. A partir deste epitélio primário, serão formadas as três camadas germinais através dos movimentos de gastrulação. O principal objectivo do presente trabalho é compreender e caracterizar os mecanismos relacionados com a formação e morfogénese de tecidos epiteliais, usando uma abordagem forward genetics. Tirámos partido de um screen materno feito no laboratório da Dra. Ruth Lehman (NYU, USA), para o braço direito do segundo cromossoma (2R). Deste screen foram isolados seis grupos de complementação e 28 mutantes singleton, com defeitos na formação do soma e da cutícula embrionária. Cinco dos seis grupos de complementação foram já identificados, e as funções dos genes associados envolvem ciclo celular (san), regulação do citoesqueleto (scraps) e adesão intercelular/polaridade (RhoGEF2, DaPKC). Com o isolamento desta última classe de mutantes ficámos confiantes de que o screen materno funcionou, e decidimos focar-nos na nossa colecção de singletons. Dado que tínhamos um elevado número de mutantes para analisar, usámos duas abordagens combinadas para facilmente identificarmos os mutantes potencialmente interessantes: 1) screen em epitélio adulto, e 2) análise de complementação. Oito singleton têm defeitos no olho adulto, e destes foram isolados dois novos grupos de complementação e um novo alelo do gene scraps. Um terceiro grupo de complementação foi isolado, sem defeitos óbvios em epitélio adulto. Neste trabalho apresentamos os resultados do screen em epitélio adulto, análise fenotípica e mapeamento citológico dos novos grupos de complementação identificados
Proper epithelial integrity is essential throughout animal development. During Drosophila melanogaster's early embryonic development, an epithelium is formed de novo through blastoderm cellularization. Later, this epithelium gives rise to a trilaminar embryo through a process known as gastrulation. In our laboratory we are interested in studying epithelium formation and morphogenesis during Drosophila melanogaster's early embryonic development. For this purpose, we took advantage of a maternal screen done in the right arm of the second chromosome, in the laboratory of Dr. Ruth Lehmann. From this screen were isolated six complementation groups and 28 singleton mutants with defects in embryonic soma and cuticle formation. Five of the six groups were already identified, and their functions involve cell cycle (san), cytoskeleton regulation (scraps) and cell-cell adhesion/polarity (RhoGEF2, DaPKC). With the isolation of the latter class, we were confident that the maternal screen worked and decided to look into our singleton collection. Since we had a large number of mutants, we used a combined approach to rapidly identify the mutants of interest: 1) an adult epithelium screen, and 2) a complementation analysis. We found that eight singletons have defects in the adult eye, and from these we isolated two new complementation groups and another allele of the scraps gene. Additionally, we isolated a new complementation group, without defects in the adult epithelium Here, we present data about the adult screen, phenotypic analysis and cytological location of the three new complementation groups
Descrição: Tese de mestrado, Biologia (Biologia Evolutiva e do Desenvolvimento), 2007, Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000568806
http://hdl.handle.net/10451/1406
Appears in Collections:FC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
20444_ulfc080601_tm.pdf6,37 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE