Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/15407
Título: Oportunidades de autorregulação da aprendizagem e comportamentos autorregulados em contexto pré-escolar
Autor: Costa, Ana Rita Tavares da Cunha e
Orientador: Simão, Ana Margarida Veiga, 1957-
Palavras-chave: Autorregulação
Contexto escolar
Ensino pré-escolar
Teses de mestrado - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: Ao longo dos anos, vários estudos têm mostrado a importância da promoção da autorregulação da aprendizagem em contexto educativo e, mais recentemente, em contexto pré-escolar. Este trabalho pretende ser um estudo de caso sobre as oportunidades de autorregulação da aprendizagem e os comportamentos autorregulados numa turma de pré-escolar de um colégio privado em Lisboa. 23 crianças e respetiva educadora participaram no estudo, que contemplou diversas fases: observação sistemática em sala de aula de comportamentos autorregulados por parte das crianças e recolha da programação das atividades feitas em aula; preenchimento do instrumento de observação pela educadora; observações participantes a um grupo de 16 crianças dessa turma antes, durante e após a realização de uma tarefa para perceber a forma como elas percecionam a sua aprendizagem; entrevista à educadora sobre as oportunidades de autorregulação da aprendizagem em sala de jardim-de-infância. Os resultados mostraram existir um conjunto de comportamentos autorregulados que as crianças desta faixa etária já são capazes de exibir, bem como uma tendência de se centrarem na ação motora antes, durante e após a realização de uma tarefa. Relativamente às oportunidades de promoção da autorregulação, verificou-se uma falta de familiaridade com o tema por parte da educadora e, como consequência, pouco planeamento das atividades a esse nível. Por fim, são assinaladas algumas limitações e implicações para o contexto educativo.
Throughout the years, various studies have demonstrated the importance of promoting self-regulated learning in academic contexts and more recently, in pre-school contexts. This investigation presents a case study about the opportunities for self-regulated learning and self-regulated behavior in a pre-school class of a private school in Lisbon. Twenty-three children and their respective teacher participated in a study that included various phases, such as: systemic observations of children’s self-regulated behavior in class and collection of planned activities done in class; participating observations of sixteen of the children before, during and after task completion to understand how they perceive their learning; teacher interview about the opportunities to self-regulate learning in pre-school. Results show that there is self-regulated behavior which children of this age are able to show, as well as a tendency to focus on their motor activity before, during and after they execute tasks. Considering the opportunities for self-regulation, we verified that there is a lack of familiarity regarding this theme on the teacher’s behalf and therefore, as a consequence, there is little planning of activities in this domain. Lastly, limitations and implications for academic contexts are discussed.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia da Educação e da Orientação), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/15407
Designação: Mestrado em Psicologia
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie046639_tm_tese.pdf569,47 kBAdobe PDFVer/Abrir
ulfpie046639_tm_anexo1.pdf2,88 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.