Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/15412
Título: Perturbações do espectro do autismo na criança : percepção materna do stress parental e do impacto do problema na família
Autor: Müller, Catarina Pizarro Pardal Ribeiro
Orientador: Santos, Salomé Vieira, 1959-
Palavras-chave: Autismo
Stress parental
Contexto escolar
Família - crianças
Teses de mestrado - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: O presente estudo, com mães de crianças com Perturbações do Espectro do Autismo (PEA), centra-se no stress parental e no impacto das PEA na família, tendo como objectivos: (1) caracterizar o stress parental e a percepção do impacto das PEA; (2) analisar a relação entre as duas dimensões; (3) caracterizar a percepção das mães relativamente ao funcionamento da criança no contexto escolar e explorar a sua relação com as dimensões em estudo; (4) caracterizar a percepção das mães face à forma de lidar com o problema e às suas consequências para a família, e explorar a relação destas percepções com as dimensões referidas. Participaram no estudo 32 mães de crianças com PEA (6-12 anos; 28 do sexo masculino). Para avaliar o stress parental e o impacto do problema na família foram utilizados, respectivamente, o Índice de Stress Parental (ISP) e a Escala de Impacto na Família (IOF). Foi construída uma Ficha de Recolha de Informação (sociodemográfica, referente ao desenvolvimento, ao problema da criança, à forma de lidar com ele e às suas consequências para a família). Os resultados mostraram que as mães de crianças com PEA experimentam níveis de stress parental mais elevados (decorrentes das características da criança), comparativamente com as mães que constituem a amostra normativa do ISP. Relativamente ao impacto do problema na família, a amostra em estudo não se distinguiu significativamente da amostra do estudo do IOF no impacto Total. Verificou-se ainda que o stress parental se associa positivamente com o impacto do problema na família. Finalmente, níveis mais altos de stress parental e de impacto do problema na família associaram-se a diversas variáveis relativas ao funcionamento da criança no contexto escolar, e ao maior grau de dificuldade em lidar com o problema e com as suas consequências para a família.
This study, involving mothers of children with Autism Spectrum Disorders (ASD), focuses on parenting stress and the impact of ASD on the family, and has the following aims: (1) to characterize parenting stress and perception of the impact of ASD; (2) to analyze the relationship between both dimensions; (3) to characterize the perception of mothers regarding the child’s functioning in a school setting and to explore its relationship with the afore-mentioned dimensions; (4) to characterize the perception of mothers concerning the way they deal with the problem, and its consequences for the family, as well as to explore relations among these perceptions and the dimensions under study. Thirty-two mothers of children with ASD (6 to 12 years; 28 boys) participated in this study. In order to assess parenting stress and impact of the problem on the family, two instruments were used: the Parenting Stress Index (PSI) and the Impact on Family Scale (IOF). A Form was constructed to collect specific information (socio-demographic, developmental, problem-related, the way mothers deal with the problem and its consequences for the family). Results showed that the mothers of children with ASD experience higher levels of parenting stress (associated with the child’s characteristics) than the PSI normative sample. The sample of this study did not differ significantly from that of the IOF study in terms of Total impact. There was also a positive association between parenting stress and the impact of the problem on the family. Finally, higher levels of parenting stress and impact of the problem on the family were associated with several variables related to the child’s functioning in a school setting, and a higher degree of difficulty in dealing with the problem and its consequences for the family.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica Dinâmica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/15412
Designação: Mestrado em Psicologia
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie046656_tm.pdf926 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.