Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/15423
Título: "Vozes" e "ruídos" na identidade conjugal : explorando funções, processos e factores de influência
Autor: Gomes, Susana Helena Gomes Marques da Silva
Orientador: Narciso, Isabel, 1962-
Palavras-chave: Relação conjugal
Personalidade - Psicologia
Coabitação conjugal
Teses de mestrado - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: A Identidade Conjugal, enquanto entidade emergente da relação conjugal, é um construto que carece de clarificação acerca das suas funções, propriedades, processos de construção, desenvolvimento e manutenção ao longo da relação do casal. A presente investigação pretende explorar estas dimensões numa perspectiva sistémica, evidenciando eventuais diferenças ligadas ao sexo, tipo de relação (casamento vs. coabitação conjugal) e duração da relação (curta vs. longa). Num estudo exploratório, realizado com uma amostra constituída por 21 indivíduos em situação relacional de conjugalidade, com base no paradigma construcionista e recorrendo a uma metodologia qualitativa, foi aplicada uma entrevista semi-estruturada. As narrativas recolhidas foram posteriormente analisadas com recurso ao software NVivo. Os resultados apontam para a identidade conjugal enquanto resultado de uma construção progressiva, baseada na existência de amor e compromisso entre os parceiros, que se desenvolve nas várias fases da relação. Impulsionada no namoro e consolidada na relação conjugal, é influenciada por vários factores individuais, como a personalidade dos parceiros; conjugais, como a auto-regulação relacional e a comunicação; familiares, como a existência de filhos; e extra-familiares, como a família de origem e a rede social. Estas variáveis ecossistémicas podem actuar como mecanismos de protecção ou de factores de vulnerabilidade para a manutenção da identidade conjugal e da própria relação. Estes resultados foram articulados com as características e propriedades sistémicas. Foram ainda colocadas hipóteses sistémicas relativas às funções da identidade conjugal – simultaneamente, as de “âncora”, “bússola” e “motor” da relação -, e ao seu processo de construção e manutenção.
Couple Identity as a separate entity emerging from the marital relationship is a construct that lacks clarity about its roles, properties, construction processes, development and permanence throughout the couple's relationship. This research aims to explore these dimensions in a systemic perspective, highlighting any differences related to sex, relationship type (marriage vs. marital cohabitation) and duration of the relationship (<10 vs > 10 years). In an exploratory study, conducted with a sample of 21 individuals in a marital relationship, based on the constructionist paradigm and using a qualitative methodology, a semi-structured interview was applied. The collected narratives were then analyzed using NVivo software. The results point to couple identity as a result of a progressive construction, based upon the existence of love and commitment between partners, which develops in the various stages of the relationship. Driven during courtship and strengthened in the marital relationship, couple identity is influenced by several individual factors such as partners’ personality, relationship factors, as the relational self-regulation and communication, family factors, as the existence of children, and extra-familial factors, such as the families of origin and social network. These variables of the ecosystem may act as protection mechanisms or vulnerability factors for the maintenance of couple identity and of the relationship itself. These results were linked to the systemic properties and characteristics. Systemic hypotheses were also raised concerning the roles of couple identity – simultaneously, those of “anchor”, compass” and “motor” of the relationship -, and its process of construction and maintenance.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde, Núcleo de Psicologia Clínica Sistémica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/15423
Designação: Mestrado em Psicologia
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie046632_tm.pdf1,77 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.