Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/15630
Título: A recepção de escultura clássica na Academia de Belas-Artes de Lisboa
Autor: Mendonça, Ricardo, 1982-
Orientador: Duarte, Eduardo, 1966-
Luzón Nogué, José María
Palavras-chave: Teses de doutoramento - 2014
Escultura
Modelos
Ornamentos
Gessos
Classicismo
Coleccionismo
Portugal. Academia Nacional de Belas Artes
Castro, Machado de, 1731-1822
Ensino artístico
Reprodutibilidade
Data de Defesa: 2014
Resumo: A colecção de modelos de escultura clássica na Academia de Belas-Artes de Lisboa serviu de ponto de partida para uma viagem às origens da Escola de Escultura de Lisboa e do ensino artístico em Portugal. Contudo, mais do que um alinhamento cronológico de sucessivas incorporações de modelos de gesso feitas ao longo do século XIX, este trabalho vem dar conta do processo de disseminação de moldagens na sua relação com o coleccionismo de objectos artísticos. Nele, são tratadas questões-chave dentro de um tema de estudo muito específico, como sendo a progressiva valorização do gesso como material didáctico, a actividade dos formadores italianos no país, as campanhas de moldagens a monumentos nacionais, a oficina de moldagens da Academia — estudando-se ainda as repercussões que estes fenómenos tiveram nas primeiras tentativas de musealizar a estatuária. Todos estes espectros de análise ajudam-nos a perceber de que modo o cruzamento de influências artísticas veio construir uma expressão mais lata de classicismo que em Portugal vai muito além das gavetas cronológicas utilizadas para separar estilos artísticos. A multiplicidade de compromissos e desafios, que a principal instituição artística do país foi chamada a desempenhar no século XIX, revela-nos a importância de um espólio herdado na sua maioria pela Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa. Neste trabalho, não só se procura reconstituir a colecção de objectos de arte acumulados neste período, mas também estabelecer-se uma relação unívoca entre obras incorporadas e as colecções hoje conservadas, providenciando-lhes igualmente um enquadramento histórico. A importância destas, tanto no formato de reproduções como de protótipos de gesso, confunde-se com o das próprias esculturas de pedra, não só pelo valor imaterial que lhes tem sido associado, enquanto repositório de métodos de trabalho que evoluíram com o passar do tempo, mas também como último reduto memorialista de obras entretanto desaparecidas ou de outras que nunca conheceriam o mármore como matéria definitiva.
The cast collection of classical sculpture reproductions of the Fine Arts Academy of Lisbon was the starting point for a journey into the origins of the Lisbon School of Sculpture and of art education in Portugal. More than a chronological standpoint for purchases of plaster casts made in the 19thcentury, this study brings an insight into the spread of tridimensional reproductions and the relation it bears with art collecting. In this sense, we deal with key issues within a very specific subject matter that tends to relate the progressive value of plaster as teaching support; the presence of Italian plaster molders in the country; the molding campaigns made after national monuments, and the Lisbon Fine Arts Academy’s plaster casts workshop. These subjects help us reassess the role reproductions had in the first attempts to bring together a public collection of statuary. Moreover, by examining these arrangements and observing the way certain trends influence each other we get a deeper understanding of how this wider notion of Classicism shaped Portuguese art by providing a particular statement that goes beyond chronological boundaries applied to artistic styles. The multiple commitments and challenges, the upmost art institution in the country has embraced during the nineteenth century, were projected into a plaster cast collection that was mostly inherited by the Fine Arts School of Lisbon, proving the importance of this research. In this work, not only did we seek to reconstruct the art collection gathered in this period, but also to establish a clear relation between the works acquired in the past and those that are held today, providing them with a historical frame. The importance of plaster models both in the format of reproductions or as prototypes, confuses itself with the uniqueness of original sculpture in stone, given that the intangible value that lies with them, comes from their testimony of working methods that have evolved over time. In addition, they occasionally bring us the last shred of evidence of works of art that went missing or destroyed; or even other that would never get to embody a permanent material.
Descrição: Tese de doutoramento, Belas-Artes (Ciências da Arte), Universidade de Lisboa, Faculdade de Belas-Artes, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/15630
Designação: Doutoramento em Belas-Artes
Aparece nas colecções:FBA - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulsd069537_td_Ricardo_Mendonca.pdf8,04 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.