Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/15733
Título: Caracterização genetica de Staphylococcus e Lactobacillus isolados de produtos cárneos fermentados com capacidades tecnológicas e protetoras
Autor: Rebelo, Cláudia Vanessa Cardoso
Orientador: Fraqueza, Maria João
Dionísio, Francisco, 1971-
Palavras-chave: Lactobacillus
Staphylococcus
Resistência aos antibióticos
Teses de mestrado - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: A necessidade de satisfazer as exigências dos consumidores por alimentos com menos conservantes leva ao desenvolvimento de sistemas alimentares onde se criam obstáculos naturais que impedem o desenvolvimento e crescimento de patogénicos, estendendo assim a vida de prateleira ou melhorando a qualidade sensorial dos alimentos. O objetivo deste trabalho foi caracterizar geneticamente isolados do género Staphylococcus e Lactobacillus de produtos cárneos fermentados que tenham capacidades tecnológicas e protetoras com o intuito de os selecionar para culturas starter ou protetoras. No caso dos Staphylococcus xylosus e Staphylococcus equorum averiguou-se a presença de determinantes genéticos associados à resistência a antibióticos como a tetraciclina, potencialmente relacionados com elementos móveis, com o sentido de selecionar estirpes presuntivamente seguras. Efetuou-se ainda a avaliação da suscetibilidade a antibióticos de alguns isolados de Staphylococcus, através do teste por difusão de discos para penicilina e oxaciclina. A caracterização genética de Lactobacillus plantarum e Lactobacillus sakei relacionou-se com a sua potencial capacidade bactericinogénica e efetiva expressão dos genes relacionados com a produção de bacteriocinas. Dos 27 SCN testados 44,4% mostraram ser resistentes à penicilina (10U) e 25,9% à oxacilina (1μg). Relativamente à presença de elementos genéticos de resistência à tetraciclina verificou-se que o número de isolados com o gene pesquisado tet(M) foi reduzido. Enquanto a presença do gene codificante tet(K) ocorreu numa frequência de 70,7% no caso dos S.xylosus e de 100% no caso dos S.equorum, o gene tet(L) apresentou-se com uma frequência de 9,8% no caso dos S.xylosus e nula no caso dos S.equorum. Dos isolados Lactobacillus plantarum testados, destacou-se o P3B7 por ser o único portador de todos os genes em estudo relacionados com a produção de plantaricinas. Os Lactobacillus sakei L1B8, P2B3 e L3B8 são portadores de genes codificantes para a sacacina P e Q.
The need to comply with consumer demands for food with less conservatives leads to the development of food systems where hurdles to the growth and development of pathogens are created, therefore extending the shelf live and even the sensory quality of food supplies. The goal of this assignment was to genetically characterize Staphylococcus and Lactobacillus strains of fermented meat products that have technological and protective abilities, aiming to select them to starter or protective cultures. For Staphylococcus xylosus and Staphylococcus equorum the presence of genetic determinants associated with resistance to antibiotics like tetracycline, potentially related with mobile elements, was evaluated to select presumably safe strains. This study was enhanced with the evaluation of the susceptibility of some Staphylococcus strains to antibiotics, through diffusion disc testing for penicillin and oxacillin. The genetic characterization of Lactobacillus plantarum and Lactobacillus sakei was crossed with their potential bacteriocinogenic ability and with the specific expression of genes related to the production of bacteriocins. Of the 27 SCN tested, 44,4% were penicillin resistant (10U) and 25,9% were oxacillin resistant (1μg). Regarding to the presence of tetracillin resistance elements the number of isolates with the researched gene tet(M) was reduced. While the presence of the codifying gene tet(K) occurred with a 70,7% frequency in S. xylosus and 100% frequency in S.equorum, the tet(L) gene presented itself with a 9,8% frequency in S.xylosus and 0% in S.equorum. From the Lactobacillus plantarum tested, the P3B7 stood of for being the single carrier of all the genes studied related to the production of the plantaricins. The Lactobacillus L1B8, P2B3 and L3B8 were discovered to be carriers of the codifying genes for sacarins P and Q.
Descrição: Tese de mestrado. Biologia (Biologia Molecular e Genética). Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/15733
Designação: Mestrado em Biologia Molecular e Genética
Aparece nas colecções:FC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfc107501_tm_claudia_rebelo.pdf2,59 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.