Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/15938
Título: Contribuição para o estudo farmacognóstico de Gymnosporia Arenicola, folha
Autor: Silva, Gustavo Adolfo Lopes Ferreira da
Orientador: Silva, Olga Maria Duarte
Gomes, Elsa Teixeira
Palavras-chave: Gymnosporia arenicola
Identificação botânica
Análise histoquímica
Marcadores químicos
Elucidação estrutural
Atividade citotóxica
Teses de mestrado - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: Gymnosporia arenicola Jordaan (Celastraceae) é um arbusto ou pequena árvore (raramente subarbusto), endémico ou quase-endémico das zonas costeiras de Moçambique e África do Sul. As folhas de G. arenicola são amplamente usadas nos sistemas de medicina tradicional para o tratamento de doenças de natureza infeciosa e/ou inflamatória. Com o objetivo de criar critérios de qualidade e eficácia, e na ausência de uma monografia de qualidade para esta planta medicinal, torna-se indispensável o estabelecimento de parâmetros de controlo de qualidade botânicos e químicos para assegurar a correta identificação desta planta medicinal, assim como a validação de alguns dos seus usos tradicionais e exploração do interesse biológico de alguns dos seus constituintes maioritários. No âmbito deste estudo, são apresentados os resultados da caracterização botânica das folhas de Gymnosporia arenicola, onde são incluídas as análises macro- e microscópica do material vegetal, com inclusão de elementos histoquímicos relevantes. São também reveladas as características anatomo-morfológicas consideradas úteis para fins de diagnose botânica das folhas de Gymnosporia arenicola observadas macroscopicamente (a olho nú e à lupa) e microscopicamente em microscopia ótica e eletrónica de varrimento. A deteção microscópica de alcalóides, amido, di-hidroxi-orto-fenóis, lípidos totais e terpenóides carbonilados é observada com recurso a técnicas histoquímicas. Os resultados visando os estudos químicos são também apresentados, abrangendo o isolamento e identificação de um dos constituintes maioritários do extrato alcaloídico das folhas de G. arenicola. São reportados também os estudos de atividade biológica do extrato etanólico e de um dos constituintes maioritários do extrato alcaloídico. Este trabalho permitiu a caracterização botânica das folhas de G. arenicola, com identificação e quantificação de elementos úteis para a sua de diagnose morfológica. O estudo químico desenvolvido neste trabalho, acrescenta novos dados aos estudos anteriormente reportados e permitiu a identificação de um novo macrociclo bioativo de interesse quimiotaxonómico. O conjunto dos resultados deste estudo constituem uma contribuição relevante para o estudo farmacognóstico desta planta medicinal.
Gymnosporia arenicola Jordaan (Celastraceae) is a shrub or small tree (rarely suffrutex), endemic or nearly-endemic of the coastal areas of Mozambique and South Africa. Leaves of G. arenicola are widely used in traditional medicine systems for the treatment of infectious and/or inflammatory diseases. Aiming at the creation of quality and efficacy criteria and in the absence of a quality monograph for this medicinal plant, the establishment of botanical and chemical quality control parameters is necessary to ensure the correct botanical identification of this herbal drug, as well as to validate some of their traditional uses and to explore the biological interest of some its major constituents. In this study, the results of the botanical characterization of the leaves of Gymnosporia arenicola are presented, including the macro- and microscopic analysis of the plant material and relevant histochemical elements. The morphoanatomical features considered to be useful for the botanical diagnosis of Gymnosporia arenicola leaves are reported, including both macroscopic (naked eye and stereomicroscope) and microscopic observations, using light and scanning electron microscopy. The microscopical detection of alkaloids, dihydroxy-ortho-phenols starch, terpenoids containing a carbonyl group and total lipids is observed with histochemical techniques. The results from the chemical studies are also presented, including the isolation and structural identification of one of the major constituents from the alkaloid extract of G. arenicola leaves. Hereby the results from the biological activity from the ethanolic extract and one of the major constituents from the alkaloid extract are also reported. This work allowed the botanical characterization of G. arenicola leaves, comprising the identification and quantification of useful elements for their morphological diagnosis. The chemical study developed in this work adds new data to previously reported studies and allowed the identification of a novel bioactive macrocycle with chemotaxonomical interest. All the results consist of relevant contributions towards the pharmacognostical study of this medicinal plant.
Descrição: Tese de mestrado, Medicamentos à Base de Plantas, Universidade de Lisboa, Faculdade de Farmácia, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/15938
Designação: Mestrado em Medicamentos à Base de Plantas
Aparece nas colecções:FF - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Gustavo_Silva_Dissertacao.pdf3,58 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.