Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Ciências (FC) >
FC - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/1619

Title: Do conceito de cidadania às práticas escolares de formação cívica
Authors: Fonseca, Judite Taborda da, 1951-
Advisor: Valente, Maria Odete, 1943-
Keywords: Cidadania
Educação para a cidadania
Formação cívica
Ensino básico 2º ciclo
Ensino básico (3º Ciclo)
Teses de doutoramento
Issue Date: 2009
Abstract: A reconceptualização do conceito de cidadania, na nossa contemporaneidade tem implicações na Educação para a Cidadania em contexto escolar. Assim, desenvolvemos um plano de investigação para compreender o contributo da área curricular de Formação Cívica na promoção da Educação para a Cidadania, procurando conhecer as praticas lectivas dos professores de Formação Cívica e as propostas pedagógicas dos manuais escolares de Formação Cívica. Aplicou-se um questionário a setenta e sete professores do 2.o e do 3.o ciclos do ensino básico que leccionavam Formação Cívica em quatro escolas da área metropolitana de Lisboa e procedeu-se a analise documental de quatro manuais escolares de Formação Cívica dos 2.o e 3.o ciclos do ensino básico. Os resultados permitiram evidenciar que na Formação Cívica os professores abordam preferencialmente temas das dimensões pessoal e social, circunscritas a turma e a comunidade escolar, não privilegiando as dimensões local, nacional, global e temporal, não fomentando uma Educação para a cidadania multidimensional. As actividades de aprendizagem privilegiadas são preferencialmente a discussão de questões da vida diária e de questões pessoais dos alunos, limitando o desenvolvimento das dimensões espacial e temporal e restringindo, de novo, as dimensões pessoal e social a turma e a comunidade escolar. A selecção dos temas em Formação Cívica e a articulação da Educação para a Cidadania resultam de processos diferentes. Existe dispersão relativamente ao que e avaliado, o que evidencia variabilidade de critérios de avaliação. A principal dificuldade e o pouco tempo lectivo, e as principais potencialidades são a promoção das relações interpessoais, da Educação para os valores e a resolução e gestão de conflitos. Os manuais escolares de Formação Cívica variam quanto a diversidade de temas e de actividades de aprendizagem e quanto a concordância com os temas e as actividades de aprendizagem indicados e privilegiados pelos professores, o que tende a justificar a não adopção de manuais escolares de Formação Cívica. Globalmente, os resultados mostraram que o contributo desta área curricular para a Educação para a Cidadania e limitado, provavelmente por não estar alicerçado em orientações curriculares sistematizadas, e por haver ambiguidade sobre a responsabilidade curricular da Formação Cívica na promoção da Educação para a Cidadania.
The actual re-conceptualization of the concept of citizenship has implications in the Education for Citizenship in school. In this context, we developed a research plan to understand the contribution of the Civic Education curricular area for the promotion of Citizenship Education. We tried to understand what teaching practices are being implemented by Civic Education teachers and which pedagogical proposals emerge from Civic Education textbooks. A questionnaire was applied to seventy-seven teachers from the 2nd and 3rd cycles of compulsory school, who taught Civic Education at four different schools in the metropolitan area of Lisbon. The data collection referring textbooks was based on the documental analysis of four Civic Education textbooks, for students from the 2nd and 3rd cycles of compulsory school. The results showed evidence that Civic Education lessons, are implemented by teachers to address preferably issues that are addressed to the personal and social dimensions, restrained to the class and to the school, not privileging the local and national dimensions, as not the global and temporal dimensions, suggesting that teachers do not promote a multidimensional Citizenship Education. The Civic Education lessons are preferably implemented to promote the discussion of contents related to daily life and personal issues of students, limiting the development of spatial and temporal dimensions and restraining, once more, the personal and social dimensions to the class and to the school. Different processes underlined the contents selection for discussion in Civic Education lessons and the articulation of Citizenship Education. In what concerns student's evaluation there is a diversity of topics evaluated, suggesting that there is a variability of evaluation criteria in this curricular area. The main difficulty of Civic Education is the constraint of class time and the main positive features are the promotion of personal relationship, values education and the resolution and conflicts management. The Civic Education textbook vary as to the diversity of contents and learning activities offered, and as to its accordance to the contents and learning activities suggested and privileged by teachers, which tends to justify why Civic Education textbook are not adopted. The overall results of this study suggest that the contribution of Civic Education for Citizenship Education is limited, most probably because it is not rooted to well-defined curricular guidelines, and because there is some ambiguity about the responsibility of this curricular area in the promotion of Citizenship Education.
Description: Tese de doutoramento, Educação (Pedagogia), 2009, Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000559125
http://hdl.handle.net/10451/1619
Appears in Collections:FC - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
18343_ulsd_re398_tese.pdf3.23 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE