Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Letras (FL) >
FL - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/1721

Título: A ideia federalista republicana em Augusto Manuel Alves da Veiga, 1850-1924
Autor: Sampaio, Guilherme Martins Rodrigues
Orientador: Leal, Ernesto Castro, 1957-
Palavras-chave: Veiga, Guilherme Martins Rodrigues,1850-1924
Políticos - Portugal - séc.19-20
Federalismo
Portugal - História - séc.19-20
Teses de mestrado - 2010
Issue Date: 2009
Resumo: O objectivo deste estudo consiste na análise da vida política e intelectual de Augusto Manuel Alves da Veiga (1850 1924). Mais conhecido como o líder civil da primeira revolta republicana ocorrida em Portugal o malogrado 31 de Janeiro de 1891 este advogado foi igualmente o líder político dos republicanos portuenses durante a década de 1880. Uma figura de relevo no movimento republicano português antes daquela mal planeada insurreição, foi então obrigado a um longo exílio em França. Após a instauração da I República Portuguesa, foi nomeado embaixador na Bélgica. Inspirado por autores como Henriques Nogueira e Proudhon, e na sequência da maioria dos republicanos portugueses entre 1860 e 1890, defendia a criação de uma república federalista portuguesa. O seu federalismo era concatenado com a defesa de uma economia assente no livre associativismo como base de uma república altamente descentralizada. Esta dissertação está assim dividida em duas partes: a primeira tem por objecto a vida política de Alves da Veiga, enquanto a segunda irá tratar das raízes e detalhes da sua proposta federalista.
It is the goal of this study to examine the political and intellectual undertakings of Augusto Manuel Alves da Veiga (1850 1924). Mostly known as the civil leader of the first republican uprising to happen in Portugal the unsuccessful 31 de Janeiro of 1891 this lawyer was also the political leader of the Oporto republicans in the 1880's. A key figure on the republican movement before that botched revolutionary attempt, he was then forced into a lengthy exile in France. After the instauration of the First Portuguese Republic, he was assigned the role of ambassador in Bruxelles. Inspired by the likes of Henriques Nogueira and Proudhon and on the wake of the majority of Portuguese republicans between 1860 and 1890, he advocated the creation of a Portuguese federalist republic. His federalism was coupled with an economical emphasis on free associationism as the backbone of a self-government republic. This thesis is then divided in two parts: the first intends to scrutinize the political life of our subject, and the second one will analyze the roots and main details of his federalism.
Descrição: Tese de mestrado, História Contemporânea, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2010
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000577834
http://hdl.handle.net/10451/1721
Appears in Collections:FL - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
21702_ulfl073430_tm.pdf1,11 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE