Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/17728
Título: Entre as Belas-Artes e as artes de tatuar: novos itinerários de inserção profissional de jovens tatuadores em Portugal
Autor: Ferreira, Vítor Sérgio
Data: 2014
Editora: PPGA / UFF - Programa de Pós-graduação em Antropologia. Universidade Federal Fluminense
Citação: Ferreira, V. S. (2014). Entre as Belas-Artes e as artes de tatuar: novos itinerários de inserção profissional de jovens tatuadores em Portugal. Antropolítica: Revista Contemporânea de Antropologia, 37, 79-106
Resumo: Se a tatuagem começou por ser profissionalmente dispensada por malandros tipicamente oriundos de meios operários e populares, ou por indivíduos provenientes de meios subculturais sem qualquer tipo de socialização artística, hoje em dia cada vez mais esta atividade é procurada por jovens detentores de trajetórias de formação artística na área das artes visuais. A entrada destes novos protagonistas resultou numa profunda mudança social no mundo da tatuagem. As competências decorrentes das suas tradicionais formas de aprendizagem mesclaram-se com outras provenientes desses outros mundos das artes visuais, activando um intenso processo de criativização da prática de tatuar, por via da integração de novos processos, técnicas, metodologias, valores e exigências de trabalho. Neste processo, a velha figura do tatuador-artesão vê-se progressivamente substituída pela nova figura do tatuador-artista, e o velho ofício de periferia vai-se elevando à condição de arte periférica.
In the pass, tattoos used to be professionally done by working class toughs or by individuals from subcultural scenes without any kind of artistic socialization. In nowadays, however, tattooing is increasingly carried out by young people with trajectories of artistic training in the field of Visual Arts. The entry of these new protagonists resulted into a profound social change in the world of tattooing. The skills arising from their traditional forms of learning mixed with other skills from the Visual Arts worlds, activating an intense process of creativization of tattooing, through the integration of new methodologies, techniques, values and demands. In this process, the old figure of the tattooist as craftsman is gradually replaced by a new figure of the tattooist as artist, and the old craft of tattooing is coming out from the social fringes of the periphery, slowly obtaining the symbolic condition of peripheral art.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10451/17728
ISSN: 2179-7331
Versão do Editor: http://www.revistas.uff.br/index.php/antropolitica/article/view/255
Aparece nas colecções:ICS - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ICS_VSFerreira_Entre_ARI.pdf679,91 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.