Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/17998
Título: Metodologias de projecto de sistemas de monitorização e reporte de energia: caso de estudo
Autor: Ferreira, Gonçalo Ribeiro
Orientador: Salema, David
Boavida, Dulce
Palavras-chave: Gestão de energia em edifícios de serviços
Sistemas de gestão de energia
Norma NP EN ISO 50001
Sistemas de monitorização e reporte de energia
Data de Defesa: 2014
Resumo: The management of energy consumption by organizations is of major importance, both economically and environmentally. Therefore and considering the growing demand of energy to use in various activities and organizations, there is the need to manage energy on the best possible way. In this context the use of Energy Management Systems (EMS), for example in the ISO 50001 Standard, has been associated with a growing relevance, as a methodological tool for broad applications, capable of enabling and promoting the generation, quantification of energy saving, and establishing itself as an effective contribute to the sustainability of organizations. In order to support energy management there are various commercial solutions of energy consumption monitoring, consisting in the implementation of technical instrumentation for measuring, gathering, communicating, analyzing and presenting data on energy consumption. It was verified, however that these systems - Energy Monitoring and Reporting Systems (EMRE) -are not, as a rule, suitable to the singularity of the consumption profiles of the installations they are intended to, and do not have, by their nature, the ability to make easier the compliance with the requirements determined by and EMS as the ISO 50001. The present work aimed to answer this question by developing and testing methodologies of identification of critical variables associated with the design and implementation phases of Energy Monitoring and Reporting Systems that support EMS based on ISO 50001. For this purpose, it was used as case study, the implementation of ISO 50001 to a large services building. It was designed an EMRE adequate to this building as well as to the Measurement and Verification plan set to the building within the ISO 50001 Standard. It was concluded that, despite the many advantages achieved by implementing a EMRE, the available and tested systems are still not very flexible in terms of software and analysis capabilities of the monitored data, being difficult to direct the system to get the critical information needed to the energy management process carried out by an EMS. Existing EMRE have its weak point in analysis capabilities, as computational tools have its focus on monitoring energy consumption, and still lack the ability to analyze and report the performance of organizations. It is suggested that future efforts are made in order to provide these tools with greater data analysis capabilities.
A gestão do uso e consumo de energia nas organizações tem uma grande importância do ponto de vista económico e ambiental. Assim sendo, e face à crescente necessidade de energia para as várias actividades das diferentes organizações, surge a necessidade cada vez maior de realizar a melhor gestão de energia possível. Neste contexto, tem-se associado à utilização de Sistemas de Gestão de Energia (SGE), tais como o definido pela Norma NP EN ISO 50001, uma importância crescente, enquanto ferramenta metodológica, capaz de viabilizar e promover a geração e quantificação da poupança energética, afirmando-se como um contributo efectivo para a sustentabilidade das organizações. No sentido de apoiar a gestão de energia, surgem várias soluções comerciais de monitorização de consumos de energia, compostas pela implementação de instrumentação técnica de medição, plataformas de recolha, comunicação, análise e disponibilização de dados relativos aos consumos de energia. No entanto, estes sistemas, denominados Sistemas de Monitorização e Reporte de Energia (SMRE) não são, muitas vezes, adequados à singularidade dos perfis de consumo das instalações a que se destinam, e não possuem por natureza, capacidade de tornar mais fácil o cumprimento dos requisitos definidos por um SGE implementado de acordo com os requisitos estabelecidos no âmbito da Norma NP EN ISO 50001. Com o presente trabalho pretendeu-se responder a esta questão, desenvolvendo e testando metodologias de identificação das variáveis críticas associadas às fases de desenho, projecto e implementação de Sistemas de Monitorização e Reporte de Energia que sustentem SGE baseados na Norma ISO 50001. Para o efeito utilizou-se como objecto de estudo a implementação da Norma ISSO 50001 a um grande edifício de serviços, e desenhou-se um SMRE adequado ao edifício em causa, e ao plano de M&V definido para o mesmo no âmbito da Norma ISO 50001. Concluiu-se que, apesar das várias vantagens obtidas pela implementação de um SMRE, os sistemas disponíveis e experimentados são ainda pouco flexíveis ao nível de software e de capacidades de análise dos dados monitorizados, sendo difícil dirigir o sistema para obter a informação crítica necessária para o processo de gestão de energia efectuada por um SGE. Os SMRE existentes têm o seu ponto fraco nas capacidades de análise, já que ferramentas computacionais dos mesmos têm o foco na monitorização de consumos energéticos, não tendo ainda capacidade de analisar e reportar o desempenho energético das organizações. Sugere-se que os esforços futuros sejam feitos no sentido de dotar estas ferramentas de maior capacidade de análise dos dados.
Descrição: Tese de mestrado integrado, Engenharia da Energia e do Ambiente, Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/17998
Designação: Mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente
Aparece nas colecções:FC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfc112259_tm_Gonçalo_Ferreira.pdf3,51 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.