Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/18084
Título: Regeneração do eucalipto: o caso da Tapada Nacional de Mafra
Autor: Lúcio, Tânia Sofia Fernandes, 1988-
Orientador: Correia, Otília da Conceição Alves, 1953-
Palavras-chave: Gestão florestal
Eucalipto
Tapada Nacional de Mafra - Portugal
Teses de mestrado - 2015
Data de Defesa: 2015
Resumo: A floresta é de extrema importância em Portugal sendo o resultado de um processo contínuo ao longo das épocas. A sua história é absolutamente importante na compreensão dos problemas actuais e poderá contribuir para futuras decisões e mudanças na gestão e política florestal. O eucalipto, Eucalyptus globulus, introduzido em meados do século XIX, é de importância vital para a indústria da pasta de papel desde meados do século XX, sendo a espécie mais representada na floresta portuguesa. As espécies exóticas tendem a levantar sérios problemas e questões em termos de gestão do ecossistema, especialmente se forem potenciais invasoras. Várias espécies de eucaliptos tornaram-se invasoras noutras partes do mundo, sendo de maior relevância as que ocorrem em zonas de clima mediterrânico. Existem referências que apontam o E. globulus como um potencial invasor em certos locais de Portugal, entre eles a Tapada Nacional de Mafra. Por este motivo, a Tapada Nacional de Mafra foi o local seleccionado para este estudo, devido às suas características climáticas e ao conhecido sucesso de plantações de eucalipto nesta região. O principal objectivo deste estudo foi a avaliação da regeneração e expansão natural de Eucalyptus globulus em diferentes condições edafoclimáticas e situações de exploração. Os resultados obtidos não revelaram um comportamento invasor, porém a gestão intensiva nos povoamentos de eucalipto poderá ser o principal factor para estes resultados. As maiores taxas de germinação ocorreram em locais de corte, para talhadia e eliminação, indicando que a intervenção humana poderá determinar a capacidade de expansão. O tipo de solo e exposição solar aparentemente tiveram alguma influência no recrutamento de novos indivíduos. A conversão para freixial (Fraxinus sp) ao longo da ribeira revela a possibilidade de converter com sucesso povoamentos de eucalipto para outro tipo de floresta. Contudo, a gestão humana poderá ter contribuído para esse sucesso, sendo necessários futuros estudos, preferivelmente de longo prazo.
The forest is of extreme importance in Portugal being the result of a continuous process throughout the ages. Its history is absolutely important in understanding today’s problems and it may contribute to future decisions and changes in forest management and policy. The eucalypt, Eucalyptus globulus, introduced in the mid 19th century, is of vital importance for the paper pulp industry since the mid 20th century, being the most represented species in the Portuguese forest. Exotic species tend to raise serious problems and questions in terms of ecosystem management, especially if they have the potential to become invasive. Several species of eucalypts have become invasive in other areas of the world, being of greater relevance those occurring in Mediterranean climates. This suggests that E. globulus could become invasive in Portugal, existing already some indications of the fact, among them in the Tapada Nacional de Mafra. For this reason, the Tapada Nacional de Mafra was the selected site for this study due to its climatic characteristics and known success of eucalypt plantations in this region. The main goal of this study was the evaluation of the regeneration and natural expansion of Eucalyptus globulus in different edaphoclimatic conditions and exploration situations. The results did not show an invasive behavior, however the intensive management in eucalypt stands could be the main factor for these results. The higher rates of germination occurred in cutting sites, for coppice and elimination, which indicates that human interventions could be determinant to the expansion. Soil type and solar exposure apparently had some influence in the recruitment of new individuals. The conversion to ashes (Fraxinus sp) along the waterline reveals that it’s possible to successfully convert eucalypt stands to other type of forest. However, human management might have contributed for that success. Future studies are needed preferably long-term ones.
Descrição: Tese de mestrado. Biologia (Ecologia e Gestão Ambiental). Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2015
URI: http://hdl.handle.net/10451/18084
Designação: Mestrado em Biologia (Ecologia e Gestão Ambiental)
Aparece nas colecções:FC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfc114431_tm_tania_lucio.pdf2,73 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.