Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/18256
Título: Relação entre oportunidades de participação, empenhamento organizacional afectivo e satisfação profissional
Autor: Pais, Maria Inês Grossinho Caldeira
Orientador: Rafael, Manuel, 1962-
Palavras-chave: Gestão de recursos humanos
Satisfação profissional
Empenhamento organizacional
Teses de mestrado - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: As novas dinâmicas no mercado económico global demonstram uma necessidade de investimento em boas práticas de gestão de recursos humanos por parte das empresas, de forma a estimular a motivação para o envolvimento dos seus colaboradores, potenciando vantagens competitivas e garantindo um bom posicionamento no mercado, sem descurar a satisfação e bem-estar dos trabalhadores. A presente investigação tem como objectivo o estudo da relação entre Oportunidades de Participação, Empenhamento Organizacional Afectivo e Satisfação Profissional, numa amostra de 100 adultos portugueses, empregados há pelo menos 1 ano numa mesma organização, tendo sido utilizados três instrumentos de medida: uma versão reduzida do Questionário de Práticas de Gestão de Recursos Humanos, respeitante à dimensão Oportunidades de Participação; uma versão reduzida do Questionário de Empenhamento Organizacional, respeitante ao Empenhamento Organizacional Afectivo e o Inventário de Satisfação Profissional. Os resultados obtidos demonstram a existência de uma relação positiva moderada entre os três constructos, tal como expectável. No entanto, não se verificaram as correlações esperadas relativamente às variáveis demográficas estudadas – nomeadamente antiguidade na empresa, função e idade -, tendo-se verificado, por vezes, até o oposto do hipotetizado. Conclui-se apresentando algumas limitações do presente estudo e sugestões para investigações futuras.
The new dynamics in the economic global market have shown a growing need for investment in best practices for human resources management, in order to promote the motivation for involvement, enhancing competitive advantages and ensuring a good market position, without neglecting the satisfaction and well-being of the workers. This research aims to study the relationship between Participation Opportunities, Affective Organizational Commitment and Job Satisfaction in a sample of 100 Portuguese adults, employed for at least a year in the same organization. Three measuring instruments were used: a reduced version of the Human Resources Management Practices Questionnaire, concerning the dimension of Opportunities for Participation; a reduced version of the Organizational Commitment Questionnaire, concerning the Affective Organizational Commitment and, finally, the Job Satisfaction Inventory. The results demonstrate the existence of a moderate positive relationship between the three constructs, as expected. However, the foreseen correlations for the demographic variables studied - including length of service, age and function – were not found; actually, sometimes the result was even the opposite of the result hypothesized. To conclude, some limitations of this study and suggestions for future research, were presented.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia dos Recursos Humanos, do Trabalho e das Organizações), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/18256
Designação: Mestrado em Psicologia
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie047255_tm.pdf605,92 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.