Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/18277
Título: Questionário de prontidão para a imprevisibilidade : desenvolvimento de um instrumento baseado na teoria do caos das carreiras
Autor: Soares, João Henriques
Orientador: Janeiro, Isabel Nunes, 1960-
Palavras-chave: Orientação profissional
Avaliação profissional
Teoria do caos
Teses de mestrado - 2014
Data de Defesa: 2014
Resumo: Num mundo caracterizado pela imprevisibilidade e mudança constante, torna-se essencial repensar os modelos tradicionais da Psicologia Vocacional, de modo a fornecer respostas mais eficientes e eficazes aos clientes da atual sociedade. Partindo da teoria Planned Happenstance (Krumboltz, 2009) e da teoria do caos das carreiras (Pryor & Bright, 2011), esta investigação pretende desenvolver um questionário capaz de articular os principais contributos dessas teorias, nomeadamente a disposição para explorar o imprevisto, gerar e aproveitar as oportunidades do acaso, a não-linearidade, os atractores, a confiança nas competências e o otimismo. No primeiro estudo, relata-se o processo de desenvolvimento do questionário, até se chegar, após uma análise factorial exploratória, a uma estrutura de quatro factores com 25 itens. Obtiveram-se bons índices de precisão para duas das quatro escalas, e correlações moderadas a fortes com outras medidas da exploração e curiosidade, que atestam a validade de constructo. De modo a refinar as características do questionário, efetuou-se um segundo estudo, onde se obteve melhores índices de precisão, e se reproduziu a mesma estrutura com 4 factores: 1) Confiança nas Competências e Otimismo, 2) Tendência para Ordem e Estrutura, 3) Prontidão para a Oportunidade e 4) Sensibilidade para o Imprevisto, explicando 45.6% da variância total. A análise confirmatória mostra evidências de que o modelo é adequado aos dados desta amostra, embora os índices revelem que o modelo possa ser melhorado. Em termos gerais, o questionário demonstra potencialidades para a prática de aconselhamento, sendo importante, no futuro, investigar a relação destas novas dimensões com outras variáveis importantes para a construção de carreira, efetuar estudos com outras amostras e melhorar o questionário do ponto de vista psicométrico.
In a world characterized by constant change and unpredictability, it is essential to rethink the traditional models of Vocational Psychology, in order to provide more efficient and effective responses to clients of the modern society. Grounded in the Planned Happenstance theory (Levin, Mitchel & Krumboltz, 1999) and the chaos theory of careers (Pryor & Bright, 2011), this research aims to develop a questionnaire capable of articulate the main ideas of these theories, specifically the willingness to explore, to generate, seize and take advantage of chance events, the nonlinearity principle, attractors, self-confidence in own skills and optimism. In the first study, the initial development of the questionnaire is described. After an exploratory factor analysis, a structure of four factors with 25 items was obtained. Two of the four scales showed good reliability scores and moderate to strong correlations with other measures of exploration and curiosity, which attest the construct validity. In order to refine the characteristics of the questionnaire, a second study was accomplished. The reliability scores improved, and the same structure, explaining 45.6% of total variance, with four factors was found: 1) Skills Self-Confidence, 2) Tendency for Order and Structure, 3) Readiness for Opportunity and 4) Sensibility for the Unpredictable. Confirmatory analysis shows that the model fits the data, although the scores indicate the model can be improved. In general terms, the questionnaire has potential for career counseling. In future investigations is important to examine the relations between the questionnaire and other important variables for career construction, to conduct studies with other samples and to improve the questionnaire's psychometric features.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia da Educação e da Orientação), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2014
URI: http://hdl.handle.net/10451/18277
Designação: Mestrado em Psicologia
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie047273_tm.pdf1,8 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.