Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/18366
Título: Fronteiras culturais no contexto da europeização: relatório de estágio realizado no Instituto Cultural Romeno de Lisboa
Autor: Paraschiv, Alina Elena
Orientador: Martins, Manuel Frias
Palavras-chave: Política cultural - Roménia - séc.21
Cultura e globalização
Comunicação intercultural
Relatório de estágio de mestrado - 2015
Data de Defesa: 2014
Resumo: A perceção da cultura romena no estrangeiro foi influenciada pelos estereótipos criados por um dos mais duros regimes comunistas do Leste da Europa. A experiência do isolamento cultural dos anos de ditadura, alimentou a necessidade da Roménia de configurar a imagem externa do país. No início dos anos ’90 as políticas culturais não eram uma prioridade para o Estado, mas posteriormente, sobretudo com a pressão da adesão à União Europeia, desenvolveram-se estratégias diplomáticas e culturais. Neste contexto, o papel das filiais do Instituto Cultural Romeno (ICR) tornou-se cada vez mais importante, tendo a missão de mudar esses estereótipos criados ao longo do tempo. Atualmente, as atividades do ICR abrangem uma grande variedade de temas e domínios e têm como objetivo principal o aumento da visibilidade da cultura e civilização romena no mundo. Através dos seus programas, o ICR facilita por um lado a integração das comunidades romenas residentes no estrangeiro, e por outro lado tem o papel de apresentar aos estrangeiros a cultura romena viva e autêntica, esbatendo, em ambos os casos, as fronteiras culturais. O presente trabalho constitui o Relatório de estágio realizado no Instituto Cultural Romeno em Lisboa (ICRL), no âmbito do mestrado em Cultura e Comunicação da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Este Relatório segue em grande parte os aspetos mencionados acima e os fenómenos e mecanismos que influenciaram as mudanças das políticas culturais nacionais, nomeadamente a democratização, a europeização, a cooperação intercultural e as redes culturais. É analisado o funcionamento do Instituto Cultural Romeno em Lisboa e as suas relações com outros atores culturais, bem como a importância que o instituto dá aos valores culturais europeus.
Abstract: The perception of the Romanian culture abroad was influenced by the stereotypes created by one of the harshest Communist regimes of the Eastern Europe. The experience of the cultural isolation during the years of dictatorship has nurtured the need for Romania to shape the external image of the country. At the beginning of the '90’s the cultural policies were not a priority, but at a later stage, especially with the pressure following the adherence to the European Union, various diplomatic and cultural strategies have emerged. In this context, the role of the Romanian Cultural Institute (RCI) branches abroad became more important, having the mission of changing the stereotypes created over time. Currently, RCI’s activities cover a wide variety of themes and areas and aim at increasing the visibility of Romanian culture and civilization in the world. Through its programs, the RCI facilitates on the one hand, the integration of the Romanian communities living abroad, and on the other hand has the role of presenting to the foreigners, a vivid and authentic Romanian culture, weakening, in both cases, the cultural frontiers. We hereby submit to appreciation the Report of the curricular internship that took place in the Romanian Cultural Institute in Lisbon (ICRL), in the framework of the Master’s Program in Culture and Communication of the Faculty of Letters of the University of Lisbon. In a broad outline, the Report follows the outlook mentioned above and the phenomena and mechanisms that influenced the changes of the national cultural policies, namely the democratization, the Europeanization, the intercultural cooperation and the cultural networks. It scrutinizes the functioning of the Romanian Cultural Institute in Lisbon and its relations with other cultural actors as well as the importance that the institute gives to European cultural values.
URI: http://hdl.handle.net/10451/18366
Designação: Mestrado em Cultura e Comunicação
Aparece nas colecções:FL - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfl175420.pdf700,06 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.