Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/18376
Título: Análise do risco de incêndios urbanos do município de Maputo em Moçambique
Autor: Cumbane, Rodrigues Nhiuane, 1981-
Orientador: Zêzere, José Luís, 1962-
Palavras-chave: Teses de doutoramento - 2015
Data de Defesa: 2015
Resumo: Este trabalho analisa o risco de incêndios urbanos no Município de Maputo em Moçambique, com base em registos para o período de 1999 a 2012, o que compreende determinar as probabilidades temporal e espacial de ocorrência (Perigosidade) e uma análise da propensão humana e do território à exposição e da sua capacidade de resposta para impedir consequências danosas em caso de incêndios (Vulnerabilidade). Os modelos de suscetibilidade construídos através dos métodos do Valor Informativo e da Regressão Logística permitem concluir que a distribuição dos incêndios no Município de Maputo não é aleatória, sendo influenciada pelas seguintes condições: quarteirões com dimensão de pelo menos 10 hectares, com mais de 200 edifícios, com uma população superior a 1000 habitantes e uma densidade populacional entre 500 e 5000 hab/km2, com predomínio de prédios com mais de 2 pisos, destinados à habitação, comércio e serviços. Os incêndios são ainda favorecidos pela existência de pequenas oficinas ou outras instalações que usam soldadura como ferramenta de trabalho, bem como pela existência de problemas em instalações elétricas tais como equipamentos sem isolamento, potência consumida superior à potência contratada, indiciando algum improviso ou desvio de corrente. Os resultados obtidos pelo modelo de Poisson mostram que as probabilidades de incêndio são maiores em bairros da zona mais antiga e de maior urbanização do Município devido ao seu forte histórico de recorrência de casos no passado. Os índices de vulnerabilidade estrutural são mais elevados em grande parte dos bairros suburbanos devido ao deficiente ordenamento territorial e fraca rede de serviços e infraestruturas públicas. A distribuição do risco específico é descontinuada entre e dentro dos bairros do Município, facto que é explicado pela heterogeneidade do território quanto aos fatores condicionantes e critérios considerados na avaliação da perigosidade e da vulnerabilidade estrutural. Os resultados do inquérito a agregados familiares em 3 bairros amostra revelam uma vulnerabilidade social elevada da população a incêndios.
This thesis analyzes the risk of urban fire in the city of Maputo in Mozambique based on data from 1999 to 2012. It comprises the evaluation of temporal and spatial probability of fire occurrence (Hazard) and the analysis of the territory and human exposure as well as the human capacity to prevent harmful consequences in case of fire (Vulnerability). The susceptibility models constructed through the Informative Value and Logistic Regression shows that the wide spread of fire in the city of Maputo is not random. It is influenced by the following conditions: blocks with dimensions of at least 10 hectares, with more than 200 buildings which have a population of not more than 1000 inhabitants and a population density of 500 to 5000 inhabitants per km2, with a predominance of buildings of more than 2 floors for housing, commerce and services. The urban fire is also influenced by the existence of small factories that use welding as a tool, as well as by troubleshooting in electrical installations such as unprotected equipment, power consumed above the contracted power and bypasses in electric network. The Poisson model indicates that probability of fire is higher in the old urbanized zone of the city that has been recurrently affected by urban fire. In contrast, the structural fire vulnerability is higher along the suburban zone of the city due to poor land use planning, weak network of public services and infrastructure. The spatial distribution of specific risk is not homogeneous within the quarters of the Municipality, which is explained by the heterogeneity of the territory regarding the conditioning factors and criteria considered to assess susceptibility and structural vulnerability, respectively. Finally, the results obtained from the questionnaire performed in three neighborhood of the city showed the prevalence of a high social vulnerability to urban fire.
Descrição: Tese de doutoramento, Território, Risco e Politícas Públicas, Universidade de Lisboa, Instituto de Geografia e Ordenamento do Território, Universidade de Aveiro, 2015
URI: http://hdl.handle.net/10451/18376
Designação: Doutoramento em Território, Risco e Políticas Públicas
Aparece nas colecções:IGOT - Teses de Doutoramento

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulsd070905_td_Rodrigues_Cumbane.pdf5,16 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.