Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Medicina (FM) >
FM - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/1919

Título: Determinação da taxa de incidência da infecção do local cirúrgico no serviço de Cirurgia Cardiotorácica do Hospital de Santa Marta em 2008
Autor: Miranda, Luís Manuel Rabaça Pires Coutinho de, 1959-
Orientador: Ferrinho, Paulo
Valadas, Emília, 1962-
Palavras-chave: Surgical Site Infection
Incidence Rate
Registry
Issue Date: 2010
Resumo: INTRODUCAO A Infeccao do Local Cirurgico (ILC) implica uma proliferacao bacteriana e subsequente reaccao inflamatoria nas zonas associadas a cirurgia, a maior parte das vezes na propria incisao cirurgica. Nas suas expressoes mais graves pode condicionar uma reaccao inflamatoria sistemica com disfuncao ou falencia multiorganica, associada a um aumento de mortalidade e morbilidade. Este tipo de noxa e relativamente frequente na pratica cirurgica hospitalar, seja num servico de Cirurgia Geral, seja num de uma especialidade cirurgica como a da Cirurgia Cardiotoracica (CCT). Apesar disso, uma quantificacao e caracterizacao da ILC sao bastante dificeis de obter na pratica diaria dos servicos cirurgicos. A construcao de um registo semi-automatico alimentado por outras bases de dados direccionado para a caracterizacao deste tipo de infeccoes pode constituir uma alternativa ao gold-standard, representado por estudos de coorte especificos, prospectivos e com pessoal dedicado atribuido. A sua elaboracao podera comecar numa primeira fase pela construcao de um sistema menos complexo, cujo objectivo principal seja somente a determinacao da taxa de incidencia da ILC no servico, mas que sirva simultaneamente para implementar toda a metodologia do futuro registo. OBJECTIVO PRINCIPAL No contexto do desenvolvimento de um sistema de monitorizacao da ILC no Hospital de Santa Marta (HSM), pretendeu-se realizar um estudo epidemiologico com o objectivo principal de determinar a sua taxa de incidencia. POPULACAO E METODOS Desenho do Estudo: Estudo da coorte de doentes operados no servico de CCT do HSM no periodo entre 1 de Julho e 30 de Novembro de 2008. Criterios de exclusao: Foram excluidos os doentes cuja indicacao cirurgica tenha sido a propria ILC e os doentes reoperados apos uma cirurgia primaria realizada antes do inicio do estudo. Projecto TILC 2 Tamanho da amostra: A dimensao da amostra foi determinada assumindo um nivel de significancia de 0,05, uma prevalencia da ILC de 5% e uma precisao de 5 a 10 pontos percentuais do valor real. O numero calculado foi de 385 doentes, o qual corresponderia a cerca de 4 meses de movimento cirurgico; porem, perante um menor debito operatorio durante o periodo de ferias e a possibilidade de uma taxa de exclusao superior aos 10% previstos por ausencia de dados de seguimento, optou-se pelo numero de doentes operados em cinco meses no servico. Recolha de dados e bases de dados: Foram recolhidos dois tipos de dados: um geral, referente a populacao cirurgica do servico, obtido atraves de varios sistemas de informacao; outro orientado para os casos de ILC, provenientes de uma folha especifica preenchida directamente por um cirurgiao quando os doentes reuniram os criterios necessarios para o diagnostico de ILC. Analise e Resultados: A percentagem de incidencia (numero de doentes com ILC/numero de doentes operado x 100) global da ILC foi de 4,57%, e a das ILC diagnosticadas unicamente no hospital de 1,3%; as densidades de incidencia (No de ILC/ Dias de Internamento x 1000) foram, respectivamente de 2,53 (global) e 0,72 (intrahospitalar). Na analise univariada, foram encontradas relacoes estatisticamente significativas entre a ILC e as seguintes variaveis: Patologia da indicacao cirurgica, tipo de procedimento, diferentes tempos de internamento, idade, Diabetes Mellitus, EuroSCORE logistico, grau de urgencia da cirurgia, tempo de duracao da cirurgia, uso de circulacao extra-corporal, cirurgiao, numero de concentrados eritrocitarios usados, regresso ao bloco operatorio, mortalidades hospitalar e ulterior, infeccao urinaria, metodos dialiticos e tempo de Internamento na unidade de cuidados intensivos. O modelo multivariado final demonstrou que os parametros “Dois ou mais dias de Internamento pre-operatorio”; “Idade superior a 65 anos”; “Uso de circulacao extracorporal”; “Reoperacao ulterior”; e “Infeccao urinaria” constituiam factores de risco independentes para o desenvolvimento da ILC. CONCLUSOES E RECOMENDACOES Este projecto revelou uma taxa de ILC nao desprezivel nos doentes operados num servico de cirurgia cardiaca, especialmente em certos subgrupos de doentes. Os Projecto TILC 3 resultados apontam para a necessidade de monitorizacao deste grupo de infeccoes e dos seus condicionantes, idealmente sob a forma de um registo; proporcionam um valor de base em relacao ao qual se podera, posteriormente, fazer comparacoes no proprio CCT ou em outros servicos; e apontam para a necessidade de melhorar os circuitos de deteccao, nomeadamente ao nivel das consultas externas. Para alem disso o modelo de estudo parece ser replicavel e com possibilidades para ser exportado para outros servicos ou mesmo para outras infeccoes nosocomiais. Para o efeito seria necessario investir em recursos humanos, processuais, organizacionais e em software especifico.
Objectives: At Portuguese hospitals, Surgical Site wound Infection (SSI) is the third most frequent Healthcare Associated Infection and one of leading causes of morbidity and mortality in surgical departments. As a general rule, there is no in-hospital program which monitors this kind of infection. SSI rate determination, an essential prerequisite for such a program, is the aim of the present work. Patients and Methods: An incidence, prospective and observational study characterized every patient operated in the Cardiothoracic Surgery Department of Santa Marta Hospital, Lisbon, between July the 1st and November the 30st 2008. SSI was defined in accordance with Hospital in Europe Link for Infection Control through Surveillance and Centers for Disease Control and Prevention criteria. The project was based on an integrated database which covered every operated patient and that was able to receive data from several already implanted informational systems. Results: The project found a global SSI incidence rate (number of SSI patients/number of operated patients x 100) of 4,57% and an in-hospital SSI rate of 1,3%; It found also incidence densities (SSI number/in-hospital days x 1000) of 2,53 (global) and 0,72 (intra-hospital). SSI determinants such as pathological group, procedure, different measures of hospital stay, age, Diabetes Mellitus, logistic EuroSCORE, urgency status, procedure time, extra-corporeal circulation use, surgeon, number of concentrated blood transfusions, re-operation, hospital and follow-up mortality, urinary infection and intensive care stay were found statistically significative on bivariate analysis; Two and more in-hospital pre-operative days, age more than 65 years, extra-corporeal circulation; reoperation; urinary infection; surgical time length more than 3 hours were also found statistically significant on multivariate analysis. Conclusions: A Departmental integrated system which monitors SSI determinants is important on several issues: 1) In order to understand true SSI importance; 2) To follow SSI variations along time; 3) To obtain the necessary knowhow to create a SSI registry; 4) To improve data acquisition quality control; 5) To contribute to a change in healthcare culture concerning SSI and data processing and monitoring by the use of cross-linking informational systems particular.
URI: http://hdl.handle.net/10451/1919
Appears in Collections:FM - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
589642_Tese.pdfDissertação6,54 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia