Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/20757
Título: Direito ambiental como direito fundamental na constituição portuguesa e brasileira
Autor: Jambo, Alfredo Sérgio Magalhães
Orientador: Gomes, Carla Amado
Palavras-chave: Direito constitucional
Direito do ambiente
Direitos fundamentais
Portugal
Brasil
Teses de mestrado - 2015
Data de Defesa: 14-Set-2015
Resumo: Aqui neste pequeno espaço, tento conciliar o que produzi e o que tentei fazer neste pequeno escrito. Fiz um relato breve e lacônico das possibilidades do ser humano em entender a leitura da realidade. Tentei ser fiel a minha história pessoal que traduz aquilo que sou, e que disso não posso fugir e o que afinal posso julgar. Mas como vejo o mundo em crise, passo, sem cerimônia, a transcrever um grande poema de T. S. Eliot: Filho do homem, não consegues dizer, nem adivinhar, pois conheces apenas um montão de imagens quebradas, onde bate o sol, e a árvore morta não dá qualquer abrigo, nem o grilo alívio, nem a pedra seca qualquer ruído de água. Apenas há sombra debaixo desta rocha vermelha (anda vem para a sombra desta rocha vermelha), e vou mostrar-te uma coisa ao mesmo tempo diferente da tua sombra quando ao amanhecer te segue e da tua sombra quando ao entardecer te enfrenta; vou mostrar-te o medo num punhado de poeira.
Here, in this short extract, I try to conciliate what I have produced with what I have tried to do in this short written. I did a brief and laconic report of the possibilities of the human being to understand the lection of reality. I tried to be faithful to my personal story which reflects who I am, and from that faithfulness I can not escape and, after all, is what I am able to judge. However, because I see the world in crisis, I come to, without ceremony, transcribe a great poem from T.S. Eliot : “ Son of man, You cannot say, or guess, for you know only A heap of broken images, where the sun beats, And the dead trees gives no shelter, the cricket no relief, And the dry stone no sound of water. Only There is shadow under this red rock, ( Come in under the shadow of this red rock), And I will show you something different from either Your shadow at morning striding behind you Or your shadow at evening rising to meet you ; I will show you fear in a handful of dust.”
URI: http://hdl.handle.net/10451/20757
Designação: Mestrado em Direito Constitucional
Aparece nas colecções:FD - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfd130831_tese.pdf500,21 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.