Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (FPCE) >
FPCE - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/2139

Título: Sintomatologia depressiva em crianças com dificuldades de aprendizagem : perspectiva das crianças e perspectiva dos professores
Autor: Rôlo, Joana Fernandes Cardoso
Orientador: Santos, Salomé Vieira, 1959-
Palavras-chave: Depressão infantil
Dificuldades de aprendizagem
Teses de mestrado - 2009
Issue Date: 2009
Resumo: No presente trabalho procedeu-se ao estudo dos níveis de sintomatologia depressiva em crianças com dificuldades de aprendizagem. Visa-se a caracterização da sintomatologia depressiva e a análise comparativa da perspectiva das crianças e da perspectiva dos professores neste domínio. Para avaliar a sintomatologia depressiva utilizou-se a adaptação portuguesa do Children's Depression Inventory (CDI), de Kovacs (1980/1981, 1992), desenvolvida por H. Marujo (ver Marujo, 1994). Utilizou-se ainda uma versão deste instrumento cuja redacção dos itens foi adaptada para poder ser respondida por professores. Adicionalmente, usou-se uma Ficha de Recolha de Informação (relativa à criança, ao agregado familiar, e à situação escolar). Participaram no estudo 28 crianças, com idades compreendidas entre os 8 e os 12 anos, e os seus professores da instituição em que recebiam apoio psico-pedagógico. Os resultados mostram que a amostra estudada se distingue significativamente da amostra do estudo de adaptação do CDI na sintomatologia depressiva (Total). Esta sintomatologia não se associa com o sexo e escolaridade da criança, ou com o tipo de família, mas associa-se com a idade (o Grupo10-12 anos, comparativamente com o Grupo 8-9 anos, apresenta uma Anedonia significativamente mais elevada). As respostas das crianças distinguem-se significativamente das dos professores, obtendo estes resultados mais elevados no Total e na quase totalidade das subescalas (Humor Negativo, Ineficácia, Anedonia e Auto-estima Negativa). Apesar das limitações do presente estudo, ele constitui um contributo para o aumento do conhecimento sobre a sintomatologia depressiva na população visada, sendo, no entanto, pertinente a sua replicação com uma amostra de maior dimensão e com recurso a um grupo de controlo.
The present study examined the different levels of depressive symptoms in children with learning disabilities. The aim of this study is to characterize the depressive symptoms and the comparative analysis between children's and teachers' perspectives in this field. In order to evaluate the depressive symptoms the Portuguese adaptation of the Children's Depression Inventory (CDI; Kovacs, 1980/1981, 1992), developed by H. Marujo (see Marujo, 1994) was used. A version of this instrument was also used, where wording of the items was adapted so that it could be answered by teachers. Additionally, a form was used to collect information (about the child, her/his household and her/his school situation). 28 children, aged between 8 and 12 years old, participated in the study along with their teachers from the institution where the children receive psycho-pedagogical support. The results show that sample under study differs significantly from the sample of the CDI adaptation study on depressive symptoms (Total). This symptomatology is not related to the sex or to the education of the child, nor is it related to her/his type of family. However, it is associated with age (the Group 10-12 years, compared with Group 8-9 years, presents a significantly higher Anhedonia). Children's responses differ significantly from their teachers' responses: teachers have higher results in Total and in almost all the subscales (Negative Mood, Ineffectiveness, Anhedonia and Negative Self-esteem). In spite of the limitations of this study, it contributes to increasing knowledge on depressive symptoms in the target population. However, a replication of this study should be conducted with a larger sample and using a control group.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica Dinâmica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2009
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000580585
http://hdl.handle.net/10451/2139
Appears in Collections:FPCE - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
22260_ulfp034840_tm.pdf549,38 kBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
22260.xml9,89 kBXMLView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia