Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/22293
Título: Estudo comparativo dos programas oficiais de Matemática A de 2001 e 2014 para o ensino secundário
Autor: Cruz, Ilca Maria Guerra Nobre da
Orientador: Silva, Ilda Perez Fernandez da, 1956-
Palavras-chave: Matemática A
Metas curriculares
Sistema de ensino português
Teses de mestrado - 2015
Data de Defesa: 2015
Resumo: O sucesso e o gosto dos jovens pela Matemática determinam o rumo da sua vida e, muitas vezes, também o seu êxito profissional. Se a tendência “natural” para os números atrai os bons resultados, também o bom desempenho nas atividades aumenta a motivação e facilita o processo ensino-aprendizagem. O papel crucial do docente consiste em lecionar o Programa de modo a que os alunos atinjam os objetivos propostos e desenvolvam o gosto pela Matemática. Este trabalho apresenta as principais diferenças entre o Programa de Matemática A que se vai iniciar em 2015-16 e o que existia até agora. Foi feita a comparação dos temas/domínios lecionados em cada ano de escolaridade do Ensino Secundário. São indicadas as diferenças encontradas na organização, na metodologia, na formalização e no grau de exigência dos conteúdos a abordar. Nos temas novos e nos assuntos que devem ser tratados de maneira diferente apresentam-se alguns exercícios e sugestões de resolução. Por vezes, também se indicam algumas estratégias que podem aumentar a motivação para a aprendizagem. No final da análise feita a cada domínio de conteúdo, é apresentado um breve comentário que resulta da interpretação dos descritores elencados nas Metas Curriculares e da leitura do Caderno de Apoio. Os comentários refletem trinta anos de prática docente no ensino público e pretendem identificar o que os docentes devem preparar com mais detalhe para as suas aulas, incentivar o trabalho colaborativo nas planificações e contribuir para o diagnóstico das áreas onde, eventualmente, é necessário existir e desenvolver formação adequada. A aplicação do Programa de Matemática A, a partir de 2015-16, vai provocar várias mudanças. O conhecimento dos docentes, em cada ciclo de ensino, sobre o que os alunos aprenderam e como aprenderam e a melhoria da articulação entre o Ensino Superior e o Ensino Secundário pode reduzir o impacto e promover o sucesso de todos, alunos e professores.
Adolescents’ passion and success with Mathematics determines the course of their lives and, often, their professional accomplishments. If a natural tendency for numbers attracts good results, good performance in activities also increases motivation and eases the teaching-learning process. The crucial role of the teacher consists of teaching the syllabus so that students achieve the proposed objectives and develop a taste for Mathematics. In this work we highlight the main differences between the Mathematics A Syllabus which will start in 2015-16 and the current one. A comparison is made in respect of the different themes/subjects taught in each different grade of Secondary Education. We consider the points of view of organisation, methodology, formalisation and level of achievement demanded by the respective syllabuses. For the newly-introduced themes as well as the subjects which need to be treated differently, some exercises and suggested solutions are presented. Additionally, there are strategies that may increase the motivation of the students. After the analysis of each of the different themes, we present a brief commentary which results from the interpretation of the descriptors listed in the Curricular Goals of the Support Notebook. These commentaries reflect thirty years of teaching experience in public education and aim to identify what teachers should prepare in more detail for their classes, encourage collaborative work on lesson plans and contribute to the diagnosis of areas where, possibly, there is the need to create and develop appropriate training. The application of the Mathematics A syllabus, from 2015-16, will introduce several changes. The knowledge of teachers in each educational cycle about what students have already learned and how they learnt it, and improved links between Secondary and Higher Education, can reduce the impact and promote success for both students and teachers.
Descrição: Tese de mestrado em Matemática para Professores, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2015
URI: http://hdl.handle.net/10451/22293
Designação: Mestrado em Matemática para Professores
Aparece nas colecções:FC - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfc115933_tm_Ilca_Cruz.pdf18,12 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.