Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/22419
Título: Evaluating a sensor of skin conductance to assess dental anxiety
Autor: Peres, Pedro José Abrantes
Orientador: Guimarães, Nuno Manuel de Carvalho Ferreira, 1960-
Diamantino, Maria Fernanda Nunes, 1961-
Palavras-chave: Nível de condutividade da pele
Resposta electrodérmica
Ansiedade dentária
Fobia dentária
Ambientes inteligentes
Teses de mestrado - 2015
Data de Defesa: 2015
Resumo: The anxiety related problems that adult population experience, are a common issue in Dental Practice. To overcome these problems it would be helpful to have an objective measure of the current anxiety of the patient. With this information, it should be possible to link the measured anxiety to an automated system that could distract the patient by altering the surrounding environment, i.e. Ambient Intelligence. This project consisted in measuring the skin conductance signal and correlating the responses related with documented dental stressful procedures. This was executed in a real clinical environment. Dental anxiety was assessed in over 70 patients with a 3 question survey using the Likert scale. Each answer was registered together with the level of skin conductance measured with a sensor placed in the patient fingers. The results showed a significant association between the dental anxiety score on two of the questions and the quantified skin electrodermal response. These findings aim to help design a future system based on ambient intelligence to distract and reduce dental anxiety during treatment.
Uma parte significativa da população adulta tem problemas provocados pela ansiedade originada com a ida à consulta de Medicina Dentária. Seria vantajoso existir uma avaliação objetiva do nível de ansiedade do paciente durante a consulta para se ultrapassar estes problemas. Com esta informação seria possível alterar o ambiente envolvente através da ligação a um sistema automatizado inteligente para a distração do paciente durante a consulta. Este projeto consistiu na medição do sinal de condutividade da pele e correlação desta com as respostas a um questionário relacionado com atos dentários reconhecidos como causadores de grande ansiedade dentária. A ansiedade dentária foi avaliada em cerca de setenta pacientes por um questionário de três perguntas utilizando uma escala de Likert. Simultaneamente foi medida a condutividade da pele por um sensor colocado nos dedos da mão. Os resultados mostram uma associação significativa entre o nível de ansiedade obtido em duas das questões e a alteração da condutividade da pele. Estes resultados visam fornecer uma base para desenhar um futuro sistema de Ambiente Inteligente para distração da ansiedade dentária.
Descrição: Tese de mestrado, Bioinformática e Biologia Computacional (Bioinformática), Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2015
URI: http://hdl.handle.net/10451/22419
Designação: Tese de mestrado em Bioinformática e Biologia Computacional (Bioinformática)
Aparece nas colecções:FC-DI - Master Thesis (dissertation)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfc116070_tm_Pedro_Peres.pdf3,75 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.