Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/26378
Título: Doença oncológica em cuidados de saúde primários : a propósito de um caso clínico
Autor: Dias, Clara Margarida de Araújo
Orientador: Costa, Ana Maria Santos Rodrigues Mendonça
Palavras-chave: Doentes oncológicos
Cuidados primários
Médico de família
Rastreios oncológicos
Diagnóstico oncológico
Saúde mental
Data de Defesa: 2016
Resumo: As doenças oncológicas têm vindo a aumentar a sua incidência, tanto em Portugal, como em todo o Mundo, sendo previsível um aumento das mortes por esta patologia nos próximos anos. Neste sentido, torna-se essencial uma adaptação dos Cuidados Primários para as crescentes necessidades nesta área em particular. Em contexto de um Caso Clínico, destaca-se a importância da realização de rastreios oncológicos de forma a permitir um diagnóstico atempado em Cuidados Primários. É dado especial enfoque ao papel do Médico de Família na transmissão do diagnóstico e na referenciação dos doentes, estabelecendo-se um paralelismo entre as expectativas dos doentes e a capacidade dos Serviços de Saúde. Destaca-se ainda a importância do seguimento dos doentes oncológicos por parte do Médico de Família, permitindo não só o acompanhamento da patologia oncológica, mas também o tratamento de outras doenças concomitantes. Neste sentido é proporcionado um apoio de maior proximidade não só ao doente, como à sua família, permitindo contribuir para o estabelecimento de uma boa Saúde Mental.
Oncological diseases incidence has been increasing, not only in Portugal but all over the world, being predictable that there will be an increase in cancer related deaths in the next years. In this sense, a Primary Care adaptation to the growing needs in this area is essential. In a clinical case context, the importance of conducting oncological screenings stands out, in order to allow timely diagnoses in Primary Care. The role of the Family Physician has been given special importance, particularly, in diagnosis transmission and patient referentiation, which establishes a parallelism between patient expectations, and health service’s capacity. Also noteworthy is the importance of the follow-up of the cancer patients by the Family Physician, which allows not only the monitoring of the oncological pathology, but also the treatment of other concomitant diseases. In this sense, a closer support is provided not only to the patient, but also to his family, which also contributes for a good Mental Health.
Descrição: Trabalho Final do Curso de Mestrado Integrado em Medicina, Faculdade de Medicina, Universidade de Lisboa, 2016
URI: http://hdl.handle.net/10451/26378
Designação: Mestrado Integrado em Medicina
Aparece nas colecções:FM – Trabalhos Finais de Mestrado Integrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ClaraMADias.pdf938,13 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.