Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia (FP) >
FP - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/2795

Título: Processos de monitorização na produção de falsas memórias : proposta de uma heurística temática
Autor: Castela, Marta Salazar Antunes de Vasconcelos
Orientador: Marques, Leonel Garcia, 1958-
Palavras-chave: Heurística
Falsas memórias
Estratégias cognitivas
Teses de mestrado - 2010
Issue Date: 2010
Resumo: A produção de falsas memórias no paradigma DRM associa-se normalmente a processos automáticos de activação associativa (e.g., Roediger, Balota & Robinson, 2000), enquanto a sua redução se relaciona com processos de monitorização (e.g., Gallo, 2004). O presente trabalho propõe que processos de monitorização possam influenciar a produção do efeito, através de uma estratégia de resposta que aumenta os acertos, mas produz falsos alarmes. Essa estratégia é definida pela aplicação de uma heurística temática (HT), que corresponde a uma substituição de evidências mnésicas por uma evidência extra-mnésica, a relevância temática, que se correlaciona fortemente com as primeiras. Na maioria dos testes de reconhecimento no paradigma DRM, se o o participante responder com base na relevância temática vai ter um nível de acertos elevados, e apenas falsos alarmes para os itens críticos. Para a identificação da aplicação da HT, numa primeira experiência será aplicado o paradigma DRM com listas de categorias ad hoc. Estas listas possibilitam separar a contribuição da activação e da informação temática, o que permite verificar se a informação temática per si conduz a falsas memórias. A segunda experiência envolverá um caso especial do Modelo Conjoint Recognition Simplificado (Stahl & Klauer, 2008), que possibilita estimar diversos parâmetros, entre os quais um parâmetro de presunção (guessing) que se sugere permitir aceder a uma estimativa da aplicação da heurística. Através do modelo será possível testar uma hipótese específica, de mudança de dimensão, relativa aos processos subjacentes à aplicação da HT.
False memories in the DRM paradigm are usually linked with automatic processes of associative activation (e.g., Roediger, Balota & Robinson, 2000), while their reduction is related to monitoring (e.g., Gallo, 2004). The present investigation suggests that monitoring processes may also be involved in the production of the effect, through a response strategy that augments hits, but also false alarms. This strategy is defined as the application of a thematic heuristic (TH), that corresponds to a substitution of memorial evidences for an extra-memorial evidence - thematic relevance -, which is highly correlated with the former. In most recognition tests in the DRM paradigm, if the participant chooses to respond based on thematic consistency, the results will yield a high hit rate, and false memories only for the critical item. To identify the application of the TH, in a first experiment the DRM paradigm will be applied with lists of ad hoc categories. These lists allow for the separation of the underlying contributions of activation and thematic consistency, and therefore they make it possible to observe if thematic consistency alone lead to false memories. The second experiment will involve a special case of the Simplified Conjoint Recognition Model (Stahl & Klauer, 2008), which is assumed to allow for the estimation of the application of the heuristic. Through the model it will be possible to test a specific hypothesis regarding the processes underlying the application of the TH – dimension change hypothesis.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Cognição Social Aplicada), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2010
URI: http://hdl.handle.net/10451/2795
Appears in Collections:FP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfp037542_tm.pdf1,93 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE