Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/28369
Título: Napë: relações sociais múltiplas e interseccionais
Autor: Virgílio, Jefferson
Palavras-chave: Diversidades
Categorias interseccionais
Data: 2016
Editora: Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS) da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ)
Citação: Virgílio, Jefferson (2016). Napë: relações sociais múltiplas e interseccionais. Revista Ludere, Vol 1 (3), 4-25
Resumo: O artigo introduz uma metanarrativa declarada como construída, acompanhada por argumentos que visam provocar reflexões sobre como as diferenças são construídas em nossos cotidianos. As críticas e as propostas são múltiplas e transversais quando buscam demonstrar porque percepções sólidas acerca de identidades não são recomendadas. Ao mesmo tempo promove debates sobre as precauções a se ter em conta para evitar usos indevidos de posições com privilégios. As lógicas de discursos idealizados em alegadas homogeneidades criadas a partir de idealismos oriundos de identidades hegemônicas e falsas continuidades são desconstruídas. A antropologia é introduzida como uma ferramenta para atingir maior igualdade de gênero e instrumentalizada para combater desigualdades, violências e injustiças, devido ao foco na articulação do gênero com categorias interseccionais. O artigo defende o chamado à antropologia simétrica, não reduzindo a simetria as sujeitas, mas aplicando aos campos de saber: Antropologia e Feminismo
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10451/28369
ISSN: 2359-3245
Versão do Editor: http://www.ufrrj.br/SEER/index.php?journal=rlcs&page=article&op=view&path%5B%5D=Virg%C3%ADlio
Aparece nas colecções:ICS - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ICS_JVirgilio_Nape_ARI.pdf280,68 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.