Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/299
Título: Peregrinos a Santiago de Compostela:uma etnografia do caminho português
Autor: Mendes, Ana Catarina
Orientador: Sobral, José Manuel
Palavras-chave: Antropologia da religião
Peregrinações
Teses de mestrado
Data de Defesa: 2009
Resumo: Esta dissertação de mestrado tem como tema as peregrinações no Caminho deSantiago. O universo em estudo é o dos peregrinos que percorrem o Caminho Portuguêsde Santiago de Compostela. A problemática central prende-se com as motivações e osobjectivos dos peregrinos, tendo em atenção as razões que os levam a percorrer oCaminho de Santiago a pé. A dissertação está dividida em três partes: EnquadramentoHistórico, Trabalho de Campo e Enquadramento Teórico.Na primeira parte é explicada a lenda cristã que está na origem do culto, é feito olevantamento da História da peregrinação na península Ibérica, enquadrando-a nocontexto da reconquista cristã, e são identificados os novos usos de que o Caminho temsido alvo nas duas últimas décadas.A segunda parte inclui a descrição do Trabalho de Campo e consideraçõesmetodológicas sobre a forma como foram obtidos os dados etnográficos. É identificadoo universo em estudo assim como os traçados escolhidos pelos peregrinos quepercorrem o Caminho Português de Santiago de Compostela. Através da análise dedocumentos e estatísticas, é traçado um perfil social e cultural mais detalhado dosperegrinos, com base nos dados de albergues e instituições.Na terceira parte, Enquadramento Teórico, faz-se uma reflexão teórica e umadiscussão da literatura existente sobre o tema. Analisam-se abordagens antropológicasàs peregrinações. Segue-se uma definição do que entendemos por movimento New Agee o seu impacto na peregrinação. Abordamos também as motivações que levam àrealização da peregrinação. Não sendo possível abarcar todas as facetas deste fenómenotão complexo, dadas as limitações de espaço impostas, temos como objectivo, então,compreender os vários factores que se têm conjugado para um aumento de peregrinostão significativo e em tão curto espaço de tempo.
Path of Saint James. The universe is focussed on the pilgrims that walk the Portugueseroute to Santiago de Compostela. The central problematic concerns the motivations andgoals of the pilgrims, considering their reasons to walk the Path. This thesis is dividedin tree parts: Historical Framework, Fieldwork and Theoretical Framework.On the first part we approach the Christian legend from which the cult sprang, thehistory of the pilgrimage on the Iberian Peninsula, its influence on the ChristianReconquista, and we identify the new uses of the Path in the last two decades.The second part includes the description of the Fieldwork and methodologicalconsiderations on how the ethnographical data was obtained. We also identify theuniverse and the paths chosen by the pilgrims in Portugal. And we trace a detailedsocial and cultural profile of the pilgrims based on documents and statistics analysis.On the third part, Theoretical Framework, we perform a theoretical reflexion anddiscussion of the available works on the subject. We analyse the anthropologicalapproaches to pilgrimages, offer a definition of the New Age movement and its impacton the pilgrimage. We also approach the motivations that lead to the pilgrimage. Due tospace limitations it's not possible to focus on all the hues of this phenomenon, so ourgoal is to understand the several factors that lead to the major increase of pilgrims insuch a short period of time.
Descrição: Tese de mestrado, Antropologia Social e Cultural, 2009, Instituto de Ciências Sociais, Universidade de Lisboa
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000568877
http://hdl.handle.net/10451/299
Aparece nas colecções:ICS - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
20587_ulsd_dep.17914_M_1.pdf779,54 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.