Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (FPCE) >
FPCE - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/3069

Título: A capacidade persuasiva das razões : implicações da psicologia na categorização de razões de Charles Tilly
Autor: Silveiro, Susete Raquel Pires
Orientador: Marques, J. Frederico, 1966-
Palavras-chave: Cognição social
Categorização
Tilly, Charles
Teses de mestrado - 2009
Issue Date: 2009
Resumo: O presente trabalho propõe e avalia empiricamente uma articulação da da teoria sociológica de Tilly (2004; 2005; 2006a; 2006b) sobre a categorização de razões, com os modelos psicológicos de probabilidade de elaboração (Petty & Cacioppo, 1986), da teoria dos níveis de constructo (Trope & Liberman, 2003) e do modelo de desconfirmação de expectativas (Meyer, Reisenzein & Schutzwohl, 1997). No Estudo 1, um estudo exploratório descritivo, destaca-se a tendência para atribuição de razões de linguagem popular por parte de jogadores e técnicos de futebol. O Estudo 2, um estudo experimental, salienta a preferência dos adeptos por razões de Explicação Causa-Efeito. São discutidas as implicações da diferença de critérios de atribuição de razões pela parte de jogadores/técnicos e de aceitação das mesmas pela parte dos adeptos. São ainda propostos novos estudos para o prosseguimento do desenvolvimento e avaliação da teoria de Tilly no âmbito da Cognição Social.
This work proposes and empirically evaluates the articulation of the sociological theory of Tilly (2004; 2005; 2006a; 2006b) about the categorization of reasons, with three psychological models: the elaboration likelihood model (Petty & Cacioppo, 1986), the construal level theory (Trope & Liberman, 2003) and the expectancy disconfirmation model (Meyer, Reisenzein & Schutzwohl, 1997). Study 1, an exploratory study, highlights the tendency of players and football coaches to assign reasons of popular language. Study 2, an experimental study, demonstrates the preference of fans for reasons in terms of Cause-Effect Explanations. The implications of the differences in criteria for awarding reasons by players and coaches and for the acceptance by the fans are discussed. New studies to further develop and evaluate the theory of Tilly in a Social Cognition framework are also presented.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Cognição Social Aplicada), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2009
URI: http://hdl.handle.net/10451/3069
Appears in Collections:FPCE - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulsd_tm_Susete_Silveiro.pdf959,33 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE