Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/3074
Título: Processos atribucionais na relação extra-namoro em jovens adultos
Autor: Oliveira, Maria Elisa Melo Bandeira Máximo de
Orientador: Afonso, Maria Helena dos Santos, 1957-
Palavras-chave: Relações extra-namoro
Vinculação
Atribuições
Teses de mestrado - 2009
Data de Defesa: 2009
Resumo: A relação extra-díade, vulgarmente denominada de infidelidade ou affair, tem-se tornado uma experiência cada vez mais comum a muitos casais, não só em relações conjugais mas também em relações de namoro. O desenvolvimento deste tipo de relação pode ter efeitos deletérios significativos, quer para os indivíduos envolvidos, quer para a relação, revelando-se como uma das situações mais difíceis de lidar em contexto psicoterapêutico. De acordo com a literatura, os processos atribucionais face à ocorrência desta situação desempenham um papel relevante nos processos de perdão e de decisão quanto ao futuro da relação primária. O presente trabalho tem como objectivos, na perspectiva da pessoa cujo parceiro/a se envolveu com outra pessoa durante o namoro, explorar componentes da situação da relação extra-namoro e o modo como estes se relacionam com as atribuições causais e de responsabilidade-culpa, e explorar a relação entre estas atribuições e o estilo de vinculação na relação romântica. O estudo foi conduzido numa amostra de 32 jovens adultos, de ambos os sexos, que experimentaram uma situação de relação extra-namoro iniciada pelos seus parceiros/as. Os resultados revelaram relações estatisticamente significativas entre alguns componentes da relação extra-namoro e as atribuições causais e de responsabilidadeculpa, e entre estas atribuições e o estilo de vinculação dos indivíduos. Apresentam-se algumas implicações para a prática clínica e sugestões de investigação futura.
The extra dyadic relationship usually known as infidelity or affair has become a common experience for couples, not just in marital relationships but also in dating relationships. The development of this kind of relationship can have significant deleterious consequences, as much for the individuals implicated as for the relationship, revealing itself as one of the most difficult situations to deal with in psychotherapeutic context. The literature points the relevant role of attribution processes facing the occurrence of this situation in the processes of forgiveness and decision about the primary relationship future. In the present study the main goals are, considering the perspective of the person whose partner had initiated the extra dating relationship, to explore some aspects of the extra dating relationship and how they relate with the causal and responsibility-guilt attributions, and to explore the relationship between this attributions and the attachment style. The study was taken in a sample of 32 young adults of both sexes and who had experienced at least one situation of extra dating relationship initiated by their partner. The results show statistically significant relationships between some aspects of the extra dating relationship and causal and responsibility-guilt attributions, and between this attributions and individuals attachment style. Some implications for the clinical practice and suggestions for future research are presented.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicoterapia Cognitiva-Comportamental e Integrativa), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2009
URI: http://hdl.handle.net/10451/3074
Aparece nas colecções:FPCE - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfp034833_tm.pdf1,05 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.