Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/3156
Título: Estilo de vinculação da mãe e filho na idade adulta : relação com a percepção de cuidados
Autor: Costa, Tânia Luísa Gonçalves Rocha da
Orientador: Moreira, João Manuel, 1964-
Palavras-chave: Vinculação
Relação mãe-filho
Teses de mestrado - 2008
Data de Defesa: 2008
Resumo: O presente estudo explora concepções da Teoria da Vinculação e do Modelo Triádico da Prestação de Cuidados de Moreira (2007). Esta exploração foca as relações das dimensões fundamentais do estilo de vinculação dos adultos (Preocupação e Evitação) nas mães e respectivos filhos e, ainda, destas mesmas dimensões com os componentes base da prestação de cuidados (Cuidado, Partilha e Eficácia). As escalas utilizadas são de auto relato e foram aplicadas a 2 amostras: (1ª) 130 estudantes, dos quais 116 raparigas e 14 rapazes, responderam ao ERP-filhos e ao Q3PC; e (2ª) 99 díades mãe-filho, sendo que a análise dos filhos usa os dados da 1ª amostra e a das mães advém do ERP-mães. O ERP original foi bipartido (ERP-filho e ERP-mãe), sendo cada metade destinada a cada elemento da díade. Um dos objectivos principais desta investigação consistiu na validação do Q3PC. Verificou-se que os factores do Q3PC se correlacionam positivamente de forma significativa. Os itens da Partilha têm saturações elevadas para os outros factores, sobretudo para os da Eficácia. No que concerne às conclusões da díade, não se confirmou a transferência intergeracional e, ao contrário do que se previa, a Evitação das mães correlaciona-se positivamente e significativamente com a Preocupação dos filhos. Quanto às análises intrapessoais dos filhos, constatou-se que a prestação de cuidados recebida não se correlaciona como se esperava com o estilo de vinculação. Detectou-se um cruzamento inesperado entre factores, i.e., a correlação entre a Eficácia e a Evitação é positiva e mais elevada do que a correlação também positiva da Eficácia e a Preocupação.
This study explores conceptions of Attachment Theory and of the Triadic Model of Support and Caregiving (Moreira, 2007). This exploration focuses on searching relations between the 2 fundamental dimensions of the attachment style in adulthood (Preoccupation and Avoidance) in mothers and children. Furthermore, those dimensions were related to fundamental components of Caregiving in the Triadic Model (Caring, Sharing and Effecting). Self-report measures were used to assess 2 samples: (1) 130 students, of which 116 girls and 14 boys, responded to an attachment style measure (the ERP-children) and to a perceived care measure based upon the Triadic Model (the Q3PC;) and (2) 99 mother-child dyads, of which children were part of the 1st sample and mothers were assessed by the ERP-mothers. The original ERP was split in two halves, so that each could be administered to one member of the dyad. One of the main goals of this investigation was the Q3PC´s validation. The findings from the factor analysis of the Q3PC show that there are positive and significant correlations between them. Items of the Sharing factor have high loadings on the other factors, mostly on Efficacy. Concerning dyads, intergenerational transmission of attachment style was not confirmed and, in contrast of what has been predicted, mother’s Avoidance shows positive and significant correlations with children’s Preoccupation. An unexpected cross-factors effect was found, with the Efficacy score more strongly related to Avoidance than to Preoccupation, in opposition to our initial hypothesis.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicoterapia Cognitiva-Comportamental e Integrativa), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2008
URI: http://hdl.handle.net/10451/3156
Aparece nas colecções:FPCE - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfp037708_tm.pdf667,73 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.