Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Instituto de Ciências Sociais (ICS) >
ICS - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/317

Título: Remigração e etnicidade : mobilidade hindu no trânsito colonial entre a África de Leste e a Europa
Autor: Dias, Nuno Manuel Ferreira, 1976-
Orientador: Relvas, Jorge Manuel Rodrigues de Sancho, 1960-
Palavras-chave: Colonialismo
Etnicidade
Relações inter-étnicas
Remigração
Relações inter-étnicas
Hindus - África do Sul
Teses de doutoramento - 2010
Issue Date: 2009
Resumo: Este trabalho pretende ser um cruzamento de um conjunto de contributostransdisciplinares para um mesmo tema. Esse tema é, resumidamente, o modo comoas ideias de etnicidade e imigração se intersectam a partir da experiência de duaspopulações em particular. As populações a que nos referimos nesta tese sãopopulações hindus descendentes de diferentes gerações de imigrantes dosubcontinente indiano para o leste africano e representam no nosso trabalho doisterrenos distintos: Lisboa e Manchester. O percurso destas populações, porém,começa, defendemos, bastante antes e encontra-se estreitamente ligado às profundastransformações ocorridas durante o séc. XIX na sequência da Revolução Industrial edas repercussões desta na industria têxtil mundial. A crescente integração dosmercados mundiais e a sua subordinação à matriz colonial são o esteio de umesquema de relações inter-étnicas profundamente desiguais cuja leitura se mostraimprescindível para a análise deste mesmo fenómeno na contemporaneidade. Ascontinuidades observadas numa sequência de episódios históricos que consideramosfundamentais para compreendermos a posição estrutural destas populações, nosdiferentes contextos por que passaram, servem de mote a um projecto narrativo sobrea construção da diferença e sobre a importância de identificarmos os elos de ligaçãoentre o passado colonial e o presente das ex-metrópoles. O objectivo é, portanto,tentar compreender um vasto quadro de experiências, de dimensões e de influênciasna construção de algumas noções, como os próprios conceitos de imigração eetnicidade, e perceber como, ao longo da história, essas mesmas noções vão sendofundamentais no modo como estas populações são percepcionadas e se autopercepcionam.Importa-nos discutir, então, o papel das diferentes circunstânciashistóricas e da sua complexidade na formação de ideias em torno destas populações,no modo como são transformadas em grupos ou categorias mantendo constante oposicionamento crítico relativamente a um conjunto de objectos conceptuais que temmarcado o debate académico em torno das populações migrantes de uma forma geral logicamente, numa perspectiva de contribuição para esse mesmo debate.
This research intends to represent the combined references of a set of transdisciplinarcontributions towards one particular theme. Briefly, that theme is the way in whichnotions of ethnicity and migration intersect themselves regarding the particularexperience of two populations. The populations we consider in this analysis areHindus who descend from several generations of Indian migrants to East Africa and,basically, also represent our two main fieldworks: Lisbon and Manchester. However,the trajectories of these populations begin, we believe, previously and are deeplyconnected with the profound transformations that took place after the IndustrialRevolution and its repercussions on the global textile industry. The ever-increasinginterconnection of world markets and its subordination to the colonial matrix providethe foundations of a severely unequal inter-ethnic relations scheme. A relation that isparamount to understand inter-ethnic relations in our time. The continuities manifestin a chain of historical episodes that we consider crucial to understand the structuralposition of these populations in their different dwelling places helped us tomaterialize our narrative on Otherness' and on the relevance of identifying the linksbetween colonial past and contemporary former metropolises. Therefore, the mainobjective is to be able to encompass a vast framework of experiences, dimensions andinfluences on the process of construction of some notions, as, for instance, theconcepts of immigration and ethnicity, and understand how, through history, thosesame notions play a central role on how those populations are perceived by others andby themselves. Hence, it is imperative to discuss the significance of differenthistorical circumstances and its complexity on the formation of stereotypes regardingthese populations, and the way through which those populations are converted ingroups and categories. Simultaneously we intend to preserve a critical attitudeconcerning a cluster of conceptual objects that is setting the pace of the academicdebate on migrant populations keeping in mind the possibility of a valid contributionto that same debate.
Descrição: Tese de doutoramento, Ciências Sociais (Antropologia Social e Cultural), Universidade de Lisboa, Instituto de Ciências Sociais, 2010
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000571126
http://hdl.handle.net/10451/317
Appears in Collections:ICS - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
20861_ulsd057652_td.pdf5,44 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE