Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/32328
Título: Cyberbullying: percepções acerca do fenômeno e das estratégias de enfrentamento
Autor: Souza, Sidclay
Simão, Ana Margarida Veiga
Caetano, Ana Paula
Palavras-chave: Cyberbullying
Estratégias de enfrentamento
Perspectivas dos alunos
Data: 2014
Citação: Souza, S. B., Simão, A. M. V., & Caetano, A. P. (2014). Cyberbullying: Percepções acerca do fenômeno e das estratégias de enfrentamento. Psicologia, Reflexão e Crítica, 27(3), 582-590. doi: 10.1590/1678-7153.201427320
Resumo: O cyberbullying, caracterizado como um dos tipos de violência em contexto educativo, apresenta-se como uma das principais causas do mal-estar vivido por seus protagonistas. O estudo inserido no Projeto Cyberbullying - o diagnóstico da situação em Portugal pretendeu compreender o fenômeno a partir das vivências de 118 estudantes do primeiro ano do Ensino Superior público português, que responderam a um questionário. Pudemos perceber a percepção dos alunos sobre o fenômeno e a importância que pares, professores e pais apresentam no enfrentamento e prevenção do cyberbullying. Tais resultados orientam-se no sentido do desenvolvimento sistêmico de comunidades que se fortalecem internamente para que cada um se sinta autorizado a intervir e a cuidar dos que nelas são vítimas de violência.
Cyberbullying is characterized as one of the different types of violence in educational contexts and is one of the main causes of uneasiness felt by its protagonists. It is also considered as one of the challenges of contemporary education. The study inserted in the project Cyberbullying - a diagnosis of the situation in Portugal intended to understand the phenomenon, its extension and nature through the experience of 118 fi rst year psychology students in the Portuguese public higher education system. Participants responded to a questionnaire of open and closed-ended questions. From the analyses done we understand the students’ perceptions regarding the phenomenon, as well as the fundamental importance peers, teachers and parents/legal guardians have in coping with and preventing cyberbullying. These results demonstrate that there is the need to systemically develop communities that may internally strengthen themselves so that each individual feels authorized to intervene and care for those that are the victims of violence.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10451/32328
DOI: 10.1590/1678-7153.201427320
ISSN: 0102-7972 (Print)
1678-7153 (Online)
Versão do Editor: http://dx.doi.org/10.1590/1678-7153.201427320
Aparece nas colecções:IE - GICFP - Artigos em Revistas Internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
0102-7972-prc-27-03-00582.pdf456,16 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.