Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/33419
Title: O papel da responsabilização na promoção das aprendizagens significativas : o caso de uma turma do 12º ano na disciplina de Economia C no ensino privado
Author: Leite, Alexandre Tomé Duarte Ferreira Magalhães, 1989-
Advisor: Cabrito, Belmiro Gil, 1949-
Keywords: Responsabilização
Metodologia de trabalho
Empatia
Aprendizagem
Relatórios da prática de ensino supervisionada - 2017
Defense Date: 2017
Abstract: A comunidade científica compreende, de forma geral e de acordo com um paradigma clássico, que o aluno assume um papel passivo no processo de ensino-aprendizagem, sendo este determinado pelo professor. Nas últimas décadas, surge uma reflexão sobre uma mudança de paradigma, colocando o aluno no centro deste processo. O presente trabalho debruça-se sobre o papel da responsabilização na promoção das aprendizagens significativas, a partir de um estudo de caso realizado numa turma de 12º ano do Ensino Regular do Curso de Ciências Económicas e Sociais, no âmbito da disciplina de Economia C, num estabelecimento de ensino privado. Procura-se, a partir da Metodologia de Trabalho de Projeto (MTP) e da relação empática entre professor-aluno, demonstrar em que medida a responsabilização pode produzir aprendizagens significativas. A MTP pressupõe a afetação de diferentes responsabilidades pelos alunos, dentro de cada grupo de trabalho, de forma a criar interdependência entre todos os seus constituintes. Da mesma forma, assenta no pressuposto de que a criação de uma relação empática é favorável ao desenvolvimento de todo o processo ensino-aprendizagem, de modo a garantir as condições necessárias à implementação da MTP. A abordagem essencialmente qualitativa da experiência pedagógica apoiou-se, genericamente, sobre a observação participante, assumindo o diário de campo, enquanto elemento de análise e reflexão, como um instrumento privilegiado na recolha de informação. Os resultados encontrados sugerem que, quando reunidos os pressupostos e assegurado o correto funcionamento do MTP, as aprendizagens desenvolvidas são de um carácter mais elevado. Por outro lado, as falhas do MTP devem-se, na verdade, a falhas no cumprimento das responsabilidades distribuídas, demonstrando que, em alguns casos, a qualidade do trabalho desenvolvido é inferior. Em conclusão, a validação do correto funcionamento da MTP, bem como o não tão bom funcionamento, corroboram a tese de que a responsabilização é promotora, pelo menos em parte, de aprendizagens significativas, levando a uma aprendizagem assimilada e, eventualmente, de maior duração no tempo.
According to the general belief within the cientific community and to a classical paradigm, the teacher is the main responsible for the teaching-learning process, leaving a passive role to the student. Throughout the last several decades, this community has been moving towards a change of paradigm, placing a special emphasys on the student as the center of this process. The present work addresses the role of responsabilization in the promotion of significant learning, based on the case report of the teaching of “Economy C” subject in one 12th grade class of the Social and Economic Sciences course in a private school. Our aim is to demonstrate, through the Project Work Methodology (PWM) and student-teacher empathy, how responsabilization can lead to significant learning. PWM relies on the assignment of different responsablities to students within each work group, creating a relationship of interdependence between it’s members. It is also based on the assumption that an empathic realtionship is favourable to the development of the teaching-learning process, allowing the necessary conditions for PWM to be implemented. The predominantly qualitative approach of the pedagogic experience was mainly based on participating observation, using the “field diary” as a privileged tool for analysis, reflexion and collection of information. The results achieved suggest that, when PWM is functioning correctly and all conditions are granted, learning is more successful. On the other hand, when PWM is unsuccessful, this is caused by non-compliance with the assigned responsabilities, leading to some cases of inferior work quality. In conclusion, both the validation of the correct functioning of PWM, and the non-successful achievements with it’s incorrect functioning corroborate the thesis that responsabilization promotes significant learning, through deeper assimilation and eventually more long-lasting knowledge.
Description: Relatório da Prática de Ensino Supervisionada, Mestrado em Ensino da Economia e de Contabilidade, Universidade de Lisboa, Instituto de Educação, 2017
URI: http://hdl.handle.net/10451/33419
Designation: Mestrado em Ensino
Appears in Collections:REIT - Mestrados em Ensino

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ulfpie052237_tm.pdf1,27 MBAdobe PDFView/Open


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.