Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Letras (FL) >
FL - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/360

Título: Dinâmica de vertente no contexto da reserva ecológica nacional: o caso de estudo do concelho de Caldas da Rainha
Autor: Henriques, Cristina da Silva
Orientador: Zêzere, José Luís,1962
Palavras-chave: Reserva Ecologica Nacional - Concelho de Caldas da Rainha (Portugal)
Solos
Erosão
Sistemas de informação geográfica - Portugal
Ordenamento do território
Issue Date: 2009
Resumo: A Reserva Ecológica Nacional (REN) é uma Restrição de Utilidade Pública que, entre outros aspectos, visa delimitar e integrar áreas perigosas, no que respeita à dinâmica de vertentes. No entanto, a demarcação das áreas com riscos de erosão , definidas nos Decreto-Lei n.º 321/83, de 5 de Julho e no Decreto-Lei n.º 93/90, de 19 de Março, foi frequentemente assimilada à demarcação das vertentes com declive superior a 30% e 25% respectivamente, numa desvirtuação dos objectivos do regime jurídico da REN. Com o novo regime jurídico da REN, estabelecido pelo Decreto-Lei nº 166/2008, de 22 de Agosto, a tipologia das áreas a integrar na REN ganha em clareza, com a distinção entre a erosão hídrica dos solos e a instabilidade de vertentes, no âmbito da prevenção dos perigos geomorfológicos. Nesta dissertação apresenta-se uma comparação dos resultados obtidos com os antigos e os actuais parâmetros que regem a REN, no que respeita à dinâmica das vertentes, recorrendo para o efeito, às tecnologias de informação geográfica. A área de estudo corresponde ao concelho de Caldas da Rainha, que abrange cerca de 256km². Para a determinação da susceptibilidade à erosão hídrica, são aplicadas duas metodologias: a Equação Universal de Perda do Solo (EUPS) e um procedimento simplificado de classificação do terreno em zonas homogéneas, em função do grau potencial de erosão hídrica, avaliado pelo cruzamento entre o declive das vertentes e a erodibilidade média dos solos. Relativamente aos movimentos de massa, as abordagens geomorfológicas foram desde sempre orientadas para as causas, evolução e distribuição das manifestações de instabilidade nas vertentes, no espaço e no tempo. Neste sentido, é utilizado um inventário dos movimentos de vertente no concelho, efectuado com recurso à interpretação de ortofotomapas digitais e validado com trabalho de campo. A avaliação da susceptibilidade geomorfológica recorre a modelos preditivos (métodos do Valor Informativo e Regressão Logística) desenvolvidos a partir do cruzamento das manifestações de instabilidade passadas com um conjunto de factores de predisposição independentes georeferenciados. Para além da abordagem estatística, afigurou-se adequado testar a aplicação do método heurístico utilizado no Plano de Ordenamento do Território da Região do Oeste e Vale do Tejo (PROT-OVT) no concelho de Caldas da Rainha, com o fim de avaliar o erro decorrente da utilização de critérios regionais (não validados) na escala municipal.
The Ecological National Reserve (REN) is a Portuguese public restriction which aims to map the hazardous areas concerning slope dynamics. However, the boundaries of the erosion risk areas , within Act n.º 321/83, of 5 of July and Act n.º 93/90, of 19 of May, were frequently made through the delimitation of the slope above 30% and 25% respectively, unfulfilling the true objective of this public restriction. With the new REN rules, established by the Act nº 166/2008, of 22 of August, it becomes more comprehensive the type of areas which should be integrated within REN. In the particular case of geomorphologic hazards, the distinction between the soil erosion and slope instability is now clear with the new Act. This dissertation shows a comparison of the results obtained with the previous and the current parameters that rules the REN, regarding slope dynamics and using technologies of geographical information systems. The study area is the Caldas da Rainha County (256 km2), located in the west central part of Portugal. In order to evaluate the soil erosion susceptibility, two methodologies were applied: the Universal Soil Loss Equation (USLE) and a simplified proceeding which aims to classify the homogeneous areas associated to the potential degree of soil erosion, evaluated by crossing the slope angle with the mean soil erodibility. In what landslide susceptibility concerns the geomorphologic approaches were always orientated for the causes, evolution and distribution of the slope instability in space and time. For this purpose, a landslide inventory was constructed using photointerpretation. The total set of probable landslide zones was later validated by field verification. The evaluation of landslide susceptibility was carried out using statistical predictive models (Informative Value and Logistic Regression) developed to assess the spatial relationship between a dichotomous dependent variable (landslides) and a set of independent explanatory variables (landslide predisposing factors). Beside the statistical approaches, a heuristic method was applied to test the criteria within the Regional Territorial Management Plan for West and Tagus Valley Region (PROT-OVT) on the Caldas da Rainha County, in order to evaluate the errors associated to regional criteria (without a landslide inventory) in the municipal scale.
Descrição: Tese de mestrado, Sistemas de Informação Geográfica e Modelação Territorial, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2009
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000566786
http://hdl.handle.net/10451/360
Appears in Collections:FL - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
20074_ulfl064850_tm.pdf8,34 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia