Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/3776
Título: Operacionalização para Portugal: Critérios de Beers de medicamentos inapropriados nos doentes idosos
Outros títulos: Operationalization to Portugal: Beers criteria of inappropriate medication use in the elderly
Autor: Soares, Maria Augusta
Fernández-Llimós, Fernando
Lança, Carmen
Cabrita, José, 1954-
Morais, José A.
Data: 2008
Citação: Soares, Maria A.; Fernandez-Llimos, Fernando; Lança, Carmen; Cabrita, José; Morais, José A.[Operationalization to Portugal: Beers criteria of inappropriate medication use in the elderly], Acta Medica Portuguesa, 21, 5, 441-452, 2008.
Resumo: Introdução: A terapêutica medicamentosa do doente idoso requer cuidados acrescidos tendo em conta as suas alterações fisiopatológicas e múltiplas patologias, que o tornam mais susceptível a eventos adversos. Têm sido criados diversos instrumentos para avaliação do uso de medicamentos inapropriados no idoso, sendo o mais frequentemente utilizado, os Critérios de Beers, cuja última actualização data de 2002. Objectivos: Operacionalização dos Critérios de Beers para alertar os profissionais de saúde em Portugal. Métodos: Análise dos fármacos e grupos de fármacos dos Critérios de Beers, comercializados em Portugal, identificação das substâncias pertencentes aos grupos assinalados por Beers que não foram incluídas nestes Critérios. Resultados: Ajustaram-se as dois quadros dos Critérios de Beers, com referência às substâncias comercializadas em Portugal e inclusão das substâncias pertencentes aos grupos de fármacos indicados na escala de Beers, com respectivos graus de inapropriação e efeitos que podem ocorrer com a administração dos medicamentos aos idosos. No quadro 1 de Beers haviam 34 substâncias sem Autorização de Introdução no Mercado (AIM) e quatro possuem designações diferentes. No quadro 2, por possuírem AIM e não estarem mencionadas, incluíram-se três antidepressivos tricíclicos, 12 antipsicóticos convencionais, doses máximas de cinco benzodiazepinas de curta acção, não se tendo encontrado referência a doses de duas, e 28 AINEs, sendo que dois são Coxibs. Conclusão: A operacionalização para Portugal dos Critérios de Beers permite a criação de um instrumento que auxilie o médico na escolha de medicamentos e doses a prescrever ao idoso garantindo um aumento de segurança da terapêutica. Esta operacionalização permite ainda a comparação de resultados de estudos sobre terapêutica inapropriada no doente idoso realizados em países diferentes e que apliquem os Critérios de Beers.
Introduction: Elderly drug therapy needs special care considering physiopatological alterations of this age group that increase the risk of adverse drug events occurrence and due to the high number of drugs used. Several tools have been created, as tables of drugs and group of drugs to be avoided in patients of 65 years old and over. Beers Criteria of 2002 update is the most used tool. Goals: To operationalize Beers Criteria to be used by health care professionals in Portugal. Methods: Analysis of the drugs and therapeutic classes included into the Beers Criteria approved for market in Portugal and the identification of other approved substances included in the pharmacological classes mentioned in Beers Criteria. The two tables in the Beers criteria were adapted to substances approved in Portugal, even including other marketed active substances belonging to therapeutic classes mentioned in Beers criteria. Levels of inappropriateness and the potential effects after their use in elderly were also included. In Beers table 1, 34 included substances don’t have approval in Portugal, and 4 have different denominations. In Beers table 2, three tricyclic antidepressants, 12 typical antipsychotics, 5 doses for short-action benzodiazepines, and 28 NSAIDs (being two coxibs) were included. Conclusions: The Portuguese operationalization of the Beers Criteria allows the creation of a tool that helps prescribers to choose drugs and doses for a safer prescription to the elderly. These adapted tables allow benchmarking among studies assessing inappropriateness use of drugs in different countries using Beers Criteria.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10451/3776
ISSN: 1646 - 0758
Versão do Editor: http://www.actamedicaportuguesa.com/pdf/2008-21/5/441-452.pdf
Aparece nas colecções:FF - Artigos em Revistas Nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Acta_Med_Port_ 2008_21(5)_441-452.pdf169,69 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.