Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Letras (FL) >
FL - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/399

Título: Óscar Ribas: a oralidade que se escreve
Autor: Sousa,Maria Teresa de Jesus Cardoso Pinto de
Orientador: Carvalho, Alberto, 1937-
Palavras-chave: Ribas, Óscar, 1909-2004
Literatura angolana - séc.20
Contos
Tradição oral - Angola
Aculturação - Angola
Teses de mestrado - 2010
Issue Date: 2009
Resumo: Escolhemos como tema da nossa dissertação a influência da cultura europeia, nomeadamente a portuguesa, nos contos tradicionais respeitantes ao património cultural angolano transmitidos primeiro oralmente e finalmente escritos por Óscar Ribas, escritor angolano, que se propôs preservar este importante contributo didáctico e pedagógico, numa perspectiva de renovação geracional. A essência destes contos de Óscar Ribas está na representação da cultura tradicional de Angola, em particular a da zona Quimbundo, inserida no seu contexto ambiental, bem como o seu papel no referido objectivo pedagógico-didáctico. Actualmente, estas narrativas angolanas reflectem a vida tradicional, bem como a aculturação portuguesa e representam uma excelente fonte de conhecimento sobre Angola, como um país multicultural. Partindo destes dois conceitos essenciais, tradição e aculturação, seguimos uma metodologia, consentânea com o estudo dos contos africanos, analisando textos e identificando os seus elementos fundamentais, os principais campos semânticos e os temas dominantes nos contos, reagrupando aspectos gerais inerentes à criatividade do autor, quando este passou à escrita as narrativas orais, estruturando-as e apresentando-as não só com uma inter-penetração discursiva entre os registos oral e escrito mas, também, com uma linguagem adequada às questões, temáticas e configurações dos universos ideológicos e estético-estilísticos crioulos. Na introdução mencionámos as nossas motivações pessoais, o interesse do tema e a sua importância para um melhor conhecimento dos contos orais angolanos. No desenvolvimento abordámos a contextualização histórica, no sentido de facilitar a compreensão do povo angolano e da sua posição enquanto povo de uma colónia portuguesa. Seguidamente, apontámos a organização formal do conto, referindo algumas teorias e os seus respectivos autores. Focámos as temáticas dominantes, onde se relevam os objectivos da nossa proposta, que consistiam em mostrar a evidência da interacção e, consequente aculturação entre portugueses e angolanos, naquele território africano. Finalizámos a nossa dissertação com algumas notas conclusivas que nos pareceram de salientar.
For our dissertation theme we chose the influence of the European culture, mainly the Portuguese one, in the African traditional tales belonging to the Angolan heritage. These were initially transmitted only orally, but were eventually written by Óscar Ribas, an Angolan writer, who decided to preserve such an important contribution in a didactic and pedagogic perspective of generations' renewal. The essence of Óscar Ribas' tales is the verbal representation of the Angolan culture, especially in the Quimbundo's region, and its environmental context, where oral literature, as an instrument of the pursuit of learning, assumes the above mentioned pedagogic-didactic role. Nowadays, these Angolan narratives reflect native life, as well as the Portuguese acculturation, and represent an excellent source of knowledge about Angola, as a multicultural country. In light of two essential topics in this theme acculturation and genuine tradition we followed a methodology which accurately meets the requirements of a study on African tales, dissecting texts and identifying their fundamental elements, principal semantic fields and dominating themes, analyzing general aspects inherent to the author's creativity, structuring and presenting them to reveal both the discursive interpenetration of oral and written registrations and the language adaptation to a thematic, ideological and aesthetical-stylistic configuration of the crioulo universe. We begin by mentioning our personal motivations, the interest on the theme and its importance to a better understanding of the oral Angolan tale. In the dissertation's main body we approach the historical contextualization, enabling a better comprehension of the Angolan people and their position as a Portuguese colony. We then focus on dominant themes and reveal the aim of our initial proposal, which was to provide evidence of the interaction and consequent acculturation between Portuguese and Angolan people. Our dissertation ends with some conclusive notes on topics that we think should be pointed out.
Descrição: Tese de mestrado, Literaturas Africanas de Língua Portuguesa, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2010
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000575232
http://hdl.handle.net/10451/399
Appears in Collections:FL - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
21387_ulfl071272_tm_capa.pdf36,13 kBAdobe PDFView/Open
21388_ulfl071272_tm_resumo.pdf24,1 kBAdobe PDFView/Open
21389_ulfl071272_tm.pdf564,53 kBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
Promotores do RCAAP   Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia