Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/4075
Título: Conhecimento profissional do jovem professor de Matemática sobre os alunos
Autor: Santos, Leonor
Moreira, Darlinda
Menezes, Luís
Oliveira, Isolina
Ponte, João Pedro da
Martins, Cristina
Guerreiro, António
Cunha, Helena
Duarte, José
Martinho, Helena
Pinto, Hélia
Menino, Hugo
Varandas, José Manuel
Veia, Luciano
Viseu, Floriano
Palavras-chave: Conhecimento profissional
Professional knowledge
Ensino da Matemática
Mathematics Teaching
Atitudes
Attitudes
Diversidade
Diversity
Aprendizagem
Learning
Data: 2008
Editora: João Pedro da Ponte
Citação: Santos, L., Moreira, D., Menezes, L., Oliveira, I., Ponte, J. P. Martins, C., Guerreiro, A., Cunha, H., Duarte, J., Martinho, H., Pinto, H., Menino, H., Varandas, J. M., Veia, L., & Viseu, F. (2008). Conhecimento profissional do jovem professor de Matemática sobre os alunos. Revista de Educação, 16(2), 33-64.
Resumo: Este artigo procura estudar o conhecimento profissional sobre os alunos de professores de Matemática e de professores do 1.º ciclo do ensino básico em início de carreira. Na sua base está um trabalho colectivo realizado por formadores de instituições de ensino superior em Portugal, preocupados em melhorar a qualidade da formação inicial dos professores em especial no que se refere à Didáctica da Matemática. A metodologia, de natureza qualitativa e interpretativa, envolveu a realização de 13 estudos de caso. Entre os principais resultados obtidos destacamos a tendência dos jovens professores para apreciar de forma positiva os seus alunos, transmitindo elevadas expectativas sobre o seu desempenho. A concretização dessas expectativas parece estar relacionada com a importância que dão ao seu papel. Apontam dificuldades de aprendizagem essencialmente de natureza transversal, situando-se sobretudo na linguagem matemática, no raciocínio e na resolução de problemas. As concepções que os alunos têm sobre a Matemática estão ausentes no discurso dos professores. Reconhecem que as características do ambiente de sala de aula são um factor importante para a aprendizagem. A diversidade entre turmas e entre os alunos, embora referenciada, constitui em diversos casos uma dificuldade para o processo de ensino e aprendizagem.
This article aims to study the professional knowledge that young mathematic teachers and elementary education teachers have about students. In its basis there is a collective work done by educators from high education institutions, in Portugal, concerned with the improvement of the quality of teachers training, specially, in regard to the domain of the Didactics of Mathematics. The methodology has a qualitative and interpretative nature, and involved 13 case studies. Among the main results we highlight the trend, among young teachers, to appreciate positively their students, showing high expectations about their performance. The concretization of these expectations seems to be related with the importance that teachers give to their own role. They mention students learning difficulties, mainly concerning mathematics’ communication, reasoning and problem solving. The conceptions that students have on Mathematics are absent from teachers’ discourse. They recognize that classroom environment characteristics are an important factor for learning. The diversity among classes and students constitutes, in several situations, a difficulty to the teaching and learning process.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10451/4075
ISSN: 0871-3928
Aparece nas colecções:FC-DE-CIE-GIDM - Artigos em Revistas Nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
08-Santos_et_al (RE).pdf392,86 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.