Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Letras (FL) >
FL - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/426

Title: A crónica em Ernesto Lara, Filho: baseado nas crónicas da Roda Gigante
Authors: Sousa,Carlos Alberto Serra Teixeira de
Advisor: Carvalho, Alberto, 1937-
Keywords: Lara Filho, Ernesto, 1932-1977
Literatura angolana - séc.20
Crónicas
Jornalismo - Angola
Imprensa periódica - Angola - séc.20
Sociologia cultural - Angola
Teses de mestrado - 2009
Issue Date: 2009
Abstract: Sem a penetração da Língua Portuguesa por terras africanas, concretamente em Angola, desde o período da Expansão por navegantes, marinheiros e religiosos portugueses, não teria sido possível desenvolver este trabalho, que numa perspectiva cultural aborda a alteração que a escrita da crónica produzida no jornal num determinado momento, teria provocado, e, os efeitos que se registaram desde aí na sociedade angolana e na Literatura Portuguesa. Primeiro pelos intervenientes em contacto e depois pela escolarização disponibilizada naquele território, os africanos souberam aproveitar dos portugueses um sistema literário que lhes era oferecido e alterar um paradigma civilizacional, o passar do conhecimento através da escrita. Demonstraram com essa aquisição, serem capazes não só de desenvolver a sua cultura, como também de prosseguir a criação de uma literatura de raízes africanas capaz de se distinguir da original. Desta sua capacidade de aceitação e de adaptação à nova realidade, os angolanos procuraram criar no seu espaço, por oposição a uma forma expressa pelo colonizador, elementos que haveriam de constituir a base dos seus valores identitários e, com estes afirmarem-se no espaço cultural comum. Assistimos por esta via, ao crescimento da obra de Ernesto Lara (Filho) através da crónica desenvolvida no campo jornalístico, e não só, que esta não perdeu a marca de uma escrita literária, participando dessa forma singular no processo de criação da literatura. Por essas razões se determinou a importância de que se revestia o estudo da crónica como parte tradicionalmente vocacionada no jornal, tornando-se numa das vias seleccionadas para a divulgação da Língua Portuguesa e do pensamento angolano, contribuindo dessa forma para a definição dos elementos que configuram o padrão cultural angolano. Fica-nos que a Língua Portuguesa ao ser aceite pela comunidade angolana, passou também, a configurar um novo espaço e a prestar um tributo que a faz ganhar novos contornos no enriquecimento gerado a partir do convívio de que desfruta naquelas paragens.
Without the penetration of Portuguese language through African land, particularly in Angola, since the period of expansion by Portuguese navigators, sailors and clergy, it wouldn't have been possible to develop this work, that in a cultural perspective addresses the change that the written chronic produced in the paper at a given time would have caused, and the effects that occurred since then in the Angolan society and Portuguese Literature. First by the contact of direct players and then by the education released there, the Africans were able to take advantage of the Portuguese literary system that was offered, and changed a civilization paradigm, the passing of knowledge through writing. They demonstrated with this, being able not only to develop their culture, but also to pursue the creation of a literature with African roots capable to distinguish itself from the original. From this ability to accept and adapt to the new reality, the Angolans searched to create in their space, opposing to a form expressed by the colonizer, elements that would form the basis of their identity values, and with this, assert themselves in the common cultural area. We had watched the growth of the work of Ernesto Lara (Filho), that through chronic developed in the journalistic field and other elements, didn't lost the mark of a literary writing, participating in the natural process of creating literature. For these reasons is determined the importance of the study of chronic traditionally aimed at the newspaper. It had become one of the routes selected for the dissemination of Portuguese language and Angolan thought, thereby contributing to the definition of the elements that shape the Angolan cultural standard. The Portuguese language being accepted by the Angolan community passed also, to be part of a new space and provided a tribute that made it win new outlines in the enrichment generated from the meeting enjoyed between the two cultures.
Description: Tese de mestrado, Estudos Românicos, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2009
URI: http://catalogo.ul.pt/F/?func=item-global&doc_library=ULB01&type=03&doc_number=000569327
http://hdl.handle.net/10451/426
Appears in Collections:FL - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
21453_ulfl070573_tm_resumo.pdf46.08 kBAdobe PDFView/Open
21454_ulfl070573_tm_indice.pdf12.69 kBAdobe PDFView/Open
21455_ulfl070573_tm.pdf341.32 kBAdobe PDFView/Open
21456_ulfl070573_tm_cronicas_roda_gigante.pdf65.28 MBAdobe PDFView/Open
21457_ulfl070573_tm_anexos.pdf8.62 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE