Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/4290
Título: O conhecimento sociocultural no ensino-aprendizagem do português como língua estrangeira: as convenções sociais nos manuais de PLE
Autor: Vaz, Liliana Fernandes
Orientador: Grosso, Maria José dos Reis,1953-
Palavras-chave: Língua portuguesa como língua estrangeira
Ensino de línguas
Competência comunicativa (Linguística)
Comunicação intercultural
Manuais escolares
Linguagem e cultura
Teses de mestrado - 2010
Data de Defesa: 2010
Resumo: Nos dias que correm, os indivíduos necessitam cada vez mais de dominar outras línguas estrangeiras. Para isso é necessário continuar a aperfeiçoar os materiais didácticos, bem como a formação dos ensinantes. O principal objectivo de todo o processo de ensino-aprendizagem é tornar os seus principais intervenientes, os aprendentes, comunicativos. Esta acção comunicativa vai activar não só aspectos linguísticos, mas também aspectos não funcionais relativos à cultura dos aprendentes. Com este trabalho incidiremos sobre o conceito e funções do manual escolar. Os objectivos desta investigação consistem em tentar perceber as mudanças que ocorrem no processo de ensino-aprendizagem quando os contextos são distintos, bem como os pressupostos utilizados na escolha da metodologia e dos manuais. Por outro lado, sabendo que o conceito de competência comunicativa implica um saber para além do linguístico, reflectiremos na importância dos aspectos socioculturais. Finalmente, na terceira parte, partiremos de um corpus de sete manuais de ensino-aprendizagem de português como língua estrangeira, editados entre os anos 2000 e 2009, nomeadamente em Portugal e analisaremos os conteúdos socioculturais, a integração língua/cultura, a diversidade linguística, a documentação autêntica divulgada por este material didáctico hegemónico no processo de ensino-aprendizagem de línguas estrangeiras.
Abstract: Nowadays the need to speak, read and write foreign languages is continuously growing. It’s necessary to continue trying to perfect didactic materials as well as teacher training. The principal objective of the entire process of teaching and learning is that students-learners become communicative. This communicative action not only activates linguistics aspects but also cultural aspects relative to the learners. The focus of this work is the concept and functions of the learning manuals. The aims consist in trying to understand the changes that occur in the teaching and learning process when the contexts are easily different as well as the choice of methodology and the manuals used. On the other side, knowing that the concept of communicative competency implies an understanding beyond linguistics, we reflect on the importance of the sociocultural aspects. Finally in the third part we will start with a corpus of seven learning and teaching manuals of Portuguese as a foreign language, edited between the years of 2000 and 2009, namely in Portugal. We will also analyse the sociocultural contents, the integration of languages/culture, linguistics diversity and authentic documentation divulged by this hegemonic didactic material in the process of teaching-learning a foreign languages.
Descrição: Tese de mestrado, Língua e Cultura Portuguesa, Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2010
URI: http://hdl.handle.net/10451/4290
Aparece nas colecções:FL - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfl077953_tm.pdf831,63 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.