Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/4338
Título: Estudo da relação entre resiliência e espiritualidade numa amostra portuguesa
Autor: Taranu, Olga
Orientador: Lind, Wolfgang Rüdiger, 1952-
Palavras-chave: Resiliência
Espiritualidade
Religiosidade
Teses de mestrado - 2011
Data de Defesa: 2011
Resumo: No presente trabalho, avaliaram-se as qualidades psicométricos da Escala de Resiliência (Wagnild & Young, 1993) e da Escala de Experiência Espiritual Quotidiana (Underwood & Teresi, 2002). A Escala da Resiliência pretende avaliar o nível de resiliência e Escala de Experiência Espiritual Quotidiana pretende medir as experiências espirituais que as pessoas vivenciam nas suas vidas quotidianas. A versão portuguesa das escalas foi aplicada a uma amostra de 335 participantes. Os resultados obtidos indicam que a versão portuguesa da Escala de Resiliência parece ter índices psicométricos não muito bons o que aponta para a necessidade de revisão desta escala e que a versão portuguesa da Escala de Experiência Espiritual Quotidiana possui bons índices psicométricos. Verificou-se uma correlação significativa positiva, mas baixa, entre o grau de resiliência e o grau de espiritualidade. Os resultados revelam diferenças significativas face à idade, os maiores de 60 anos apresentam valores mais elevados de resiliência e de espiritualidade. Em relação aos homens as mulheres obtiveram valores mais elevados de resiliência face à dimensão aceitação de vida. Em relação ao estado civil, os individuos casados apresentam valores mais elevados na dimensão de admiração, amor e desejo de proximidade de Deus enquanto os divorciados revelam valores mais elevados de resiliência global.
The present study evaluated whether the psychometric qualities of the Resilience Scale (Wagnild & Young, 1993) and the Daily Spiritual Experience Scale (Underwood & Teresi, 2002). The Resilience Scale was developed to evaluate the level of resilience and the Daily Spiritual Experience scale is intended to measure the ordinary experiences of spirituality in daily life of people. The Portuguese version of the scales was applied to a sample of 335 participants. The results indicate that the Portuguese version of the Resilience Scale seems to have poor psychometric indices pointing to the need for revision of this scale and that the Portuguese version of the Daily Spiritual Experience Scale has good psychometric indices. There was a significant positive correlation, but low between the degree of resilience and the degree of spirituality. The results show significant differences compared to age, the age of 60 have higher values of resilience and spirituality. Women compared to man show higher levels of resilience at the dimension acceptance of life. Regarding marital status, married individuals have higher values to the dimension of admiration, love and desire for closeness to God while the divorced show higher levels of overall resilience.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica Sistémica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/4338
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie039540_tm.pdf389,45 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.