Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Psicologia (FP) >
FP - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/4373

Title: A intimidade nos jovens adultos em contexto de relação amorosa : a influência do sexo e da idade
Authors: Oleiro, Joana Catarina Simões
Advisor: Ribeiro, Maria Teresa, 1962-
Pego, Ana Lídia
Keywords: Intimidade (Psicologia)
Sexo - psicologia
Relações amorosas
Teses de mestrado - 2011
Issue Date: 2011
Abstract: A intimidade é um constructo complexo que tem vindo a ser estudado por vários autores a nível das relações amorosas. Inúmeras propostas de definição deste constructo têm surgido, o que deu origem a um «emaranhamento conceptual» que tem sido difícil de deslindar. Com este mapa actual como referência, propusemo-nos estudar a relação da variável dependente intimidade com as variáveis independentes, idade e sexo, constituindo um estudo exploratório de carácter misto (qualitativo e quantitativo), tendo como população-alvo jovens adultos portugueses no contexto de uma relação amorosa. Numa primeira fase, foram realizados três focus group com o objectivo de explorar significados acerca da intimidade, tendo por finalidade o posterior enriquecimento da análise dos resultados quantitativos. Posteriormente, foi aplicado o Personal Assessment of Intimacy in Relationships Scale (PAIR) a uma amostra recolhida na Grande Lisboa e Porto, de 303 jovens adultos no contexto de uma relação amorosa, com o objectivo de analisar a influência dos factores demográficos sexo e idade nesta variável. Para os dados qualitativos foi construída uma árvore de categorias, ao passo que para a análise quantitativa recorreu-se ao software SPSS 17.0 for Windows. Registaram-se diferenças ao nível da variável intimidade em relação à variável sexo, apesar de não significativas e foram também encontradas diferenças estatisticamente significativas ao nível da influência da variável sexo na validação pessoal, sendo que as mulheres tendem a apresentar maiores níveis de intimidade e validação pessoal do que os homens. O nosso estudo ambiciona gerar pistas de reflexão e estimular futuras investigações com a população portuguesa na área da intimidade que tenham como objectivo central a prevenção do divórcio em Portugal.
Intimacy is a complex construct that has been studied by many scientists in romantic relationships. Several propositions of a definition have been suggested, which ended up in a «conceptual entanglement» which has been difficult to clear up. With this “state of the art” in mind, we proposed to study the relationship of the independent variable intimacy with the dependable variable age and sex, accomplished an exploratory mixed study (qualitative and quantitative), having as target population portuguese young adults in the context of a romantic relationship. First, we did three focus group with the purpose of exploring meanings about intimacy, having by goal the enrichment of the analysis of the quantitative results. Afterwards, we applied the Personal Assessment of Intimacy in Relationships Scale (PAIR) to a sample of 303 young adults in the context of a romantic relationship collected in Lisbon and Porto, with the purpose of analyzing the influence of the demographic factors sex and age within this variable. For the qualitative data there was builtd a tree of categories and for the quantitative analysis we resorted to the software SPSS 17.0 for Windows. It was obtained differences on the influence of the variable sex on intimacy, despite being non-significant and there was statistic meaningfully differences on the influence of the variable sex on personal validation, in which women tend to present larger levels of intimacy and personal validation than men. Our study aims to generate tracks of reflection and stimulate future investigations with the Portuguese population in the area of intimacy that has by central goal the prevention of divorce in Portugal.
Description: Tese de mestrado, Psicologia (Secção de Psicologia Clínica e da Saúde - Núcleo de Psicologia Clínica Sistémica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/4373
Appears in Collections:FP - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfpie039527_tm.pdf2.67 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE