Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10451/4418
Título: Estrutura das âncoras de carreira : estudo exploratório com uma amostra de engenheiros portugueses
Autor: Lemos, Inês da Silva Moreira de
Orientador: Lima, Maria do Rosário M., 1959-
Palavras-chave: Desenvolvimento das carreiras
Engenheiros
Âncoras de carreira
Teses de mestrado - 2011
Data de Defesa: 2011
Resumo: Contrariamente à tipologia preconizada por Edgar Schein, que apenas admite a dominância de uma âncora de carreira, o presente estudo incide na actual linha de investigação que propõe uma reconceptualização da teoria das âncoras de carreira. Esta nova abordagem admite a existência de mais do que uma âncora de carreira dominante, suscitando assim questões ao nível das dinâmicas de proximidade ou de oposição que poderão surgir. Utilizando o Inventário de Orientações de Carreira (Career Orientations Inventory), originalmente desenvolvido por Schein (1990), e uma amostra de Engenheiros, procurou-se compreender estas dinâmicas e mapear as relações entre as âncoras de carreira, recorrendo a um estudo correlacional entre as âncoras de carreira e a uma análise de componentes principais. No final tecem-se algumas considerações, nomeadamente ao nível das limitações do presente estudo, bem como do contributo para a investigação ao nível das evidências que corroboram a reconceptualização do modelo das âncoras de carreira de Edgar Schein.
Contrary to Edgar Schein’s typology which solely allows for the dominance of one career anchor, the present study follows the current line of research which suggests a reconceptualization thereof. This new approach allows for the existence of more than one dominant career anchor, thereby raising questions in terms of the dynamics of proximity or opposition which may arise. Using the Career Orientations Inventory originally developed by Schein (1990) and a sample of engineers, it was sought to understand these dynamics, mapping the relations between career anchors by means of a correlational study between the career anchors and a principal component analysis. Finally, some considerations are raised in terms of the limitations of the present study as well as the contribution to research as regards the evidence which corroborates the reconceptualization of Edgar Schein’s career anchors model.
Descrição: Tese de mestrado, Psicologia (Psicologia dos Recursos Humanos, do Trabalho e das Organizações), Universidade de Lisboa, Faculdade de Psicologia, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/4418
Aparece nas colecções:FP - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ulfpie039550_tm_AnexoX.spv10,62 kBFicheiro SPVVer/Abrir
ulfpie039550_tm_AnexoIX.spv417,63 kBFicheiro SPVVer/Abrir
ulfpie039550_tm_AnexoVIII.spv218,02 kBFicheiro SPVVer/Abrir
ulfpie039550_tm_AnexoVII.spv20,32 kBFicheiro SPVVer/Abrir
ulfpie039550_tm_AnexoVI.spv27,81 kBFicheiro SPVVer/Abrir
ulfpie039550_tm_AnexoV.spv24,69 kBFicheiro SPVVer/Abrir
ulfpie039550_tm_AnexoIV.spv16,27 kBFicheiro SPVVer/Abrir
ulfpie039550_tm_AnexoIII.spv172,18 kBFicheiro SPVVer/Abrir
ulfpie039550_tm_AnexoII.doc66,5 kBMicrosoft WordVer/Abrir
ulfpie039550_tm_AnexoI.spv18,03 kBFicheiro SPVVer/Abrir
ulfpie039550_tm.pdf747,68 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.