Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Ciências (FC) >
FC - Dissertações de Mestrado >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/4683

Título: Radioterapia estereotáxica fraccionada intracraniana: avaliação do processo
Autor: Rodrigues, Telma Filipa de Castro
Orientador: Vicente, Rosário
Almeida, Pedro Miguel Dinis de, 1968-
Palavras-chave: Radioterapia estereotáxica
Imobilização
Máscara termoplástica recolocável
Exactidão no reposicionamento
Teses de mestrado - 2010
Issue Date: 2010
Resumo: A Técnica de Radioterapia Estereotáxica em acelerador linear vem sendo desenvolvida ao longo dos últimos anos. Neste contexto diferentes soluções para fixação do crânio dos pacientes têm vindo a ser propostas de forma a conseguir uma correcta e precisa translação de coordenadas desde os equipamentos de imagem até à unidade de terapia. Em Radioterapia Estereotáxica Fraccionada deparamo-nos com um grande problema, o seu esquema fraccionado em comparação com esquemas de dose única, obriga a repetir com exactidão o posicionamento entre o volume alvo e o isocentro do acelerador linear. Comercialmente existem disponíveis sistemas de imobilização não-invasivos para fixarem a cabeça e o pescoço e vários modelos de aceleradores lineares dedicados ou não à técnica estereotáxica. Pretende-se com este estudo avaliar o método e a exactidão do sistema de imobilização empregue no Centro Oncológico Dr.ª Natália Chaves (CODNC) na execução da Técnica de Radioterapia Estereotáxica Fraccionada para o tratamento de lesões intracranianas. Foram estudados retrospectivamente 51 pacientes com diversas patologias submetidos à radioterapia estereotáxica fraccionada com acelerador linear. O método utilizado foi o da fixação com o sistema de imobilização estereotáxico e com a máscara termoplástica da BrainLAB®, seguido por tratamento em acelerador linear Trilogy® da Varian. Baseado nas coordenadas cartesianas, as lesões foram irradiadas com precisão estereotáxica e os desvios relativamente ao isocentro do alvo analisados e corrigidos. Concluiu-se que o método e o sistema de imobilização empregue na técnica de radioterapia estereotáxica fraccionada em prática no CODNC são os adequados para tratar as lesões tumorais intracranianas apresentando um desvio médio de 0,18mm corrigível. Concluiu-se ainda que é possível optimizar o planeamento desta patologia diminuindo as margens de segurança para 2 mm e por conseguinte diminuir a porção de tecido são irradiado, advindo daí a possibilidade de aumentar a dose de irradiação, melhorar o controlo tumoral e diminuir os possíveis efeitos secundários associados a esta terapêutica.
LINAC based Stereotactic Radiotherapy has been developed over the years. Along with its development, different methods for skull immobilization have been proposed to ensure a correct and precise transfer of coordinates from planning data to the treatment machine. In Stereotactic Radiotherapy the fractioned sessions compare with a single session technique present the problem of precisely reproduce the positions of the target volume in the accelerator’s isocenter. There are commercially available non-invasive systems for the fixation of the head witch can be used with dedicated or general purpose linear accelerators. With this study one intends to evaluate the methods, the precision and the exactness of the immobilization system used at the Centro Oncológico Dr.ª Natália Chaves for the treatment of intracranial lesions using stereotactic radiation therapy. 51 patients were studied retrospectively with various brain lesions subjected to stereotactic radiation therapy on a linear accelerator. We use a stereotactic immobilization device and the thermoplastic mask from BrainLAB® to immobilize the patients head, followed by treatment on the Varian Trilogy® linear accelerator. Based on the obtained coordinates, the lesions were treated with stereotactic precision and the deviations in relation to the isocenter of the target were analyzed and corrected. The conclusion of this study is that the immobilization systems used for stereotactic radiation therapy at the Centro Oncológico Dr.ª Natália Chaves are adequate for the treatment of intracranial lesions presenting a correctable mean deviation of 0.18mm. In this way, it is possible to optimize treatment planning procedures by diminishing the safety margins to 2 mm, minimizing the volume of healthy tissue irradiated, raising the total treatment dose, thus improving local tumor control and diminishing possible side effects associated with this treatment.
Descrição: Tese de mestrado, Biofísica (Física Médica e Engenharia Biomédica), Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, 2010
URI: http://hdl.handle.net/10451/4683
Appears in Collections:FC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulfc096117_tm_Telma_Rodrigues.pdf3,68 MBAdobe PDFView/Open
Restrict Access. You can request a copy!
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE