Universidade de Lisboa Repositório da Universidade de Lisboa

Repositório da Universidade de Lisboa >
Faculdade de Letras (FL) >
FL - Teses de Doutoramento >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10451/4699

Título: As línguas de Cabo Verde : uma radiografia sociolinguística
Autor: Lopes, Amália Maria Vera-Cruz de Melo, 1956-
Orientador: Mota, Maria Antónia, 1951-
Palavras-chave: Língua portuguesa - Cabo Verde
Crioulos de base portuguesa - Cabo Verde
Bilinguismo
Política da língua - Cabo Verde
Sociolinguística - Cabo Verde
Teses de doutoramento - 2011
Issue Date: 2011
Resumo: Esta dissertação constitui um estudo de caso, exploratório e de carácter descritivo. Tem como objectivo fazer uma radiografia sociolinguística de Cabo Verde, particularmente centrada no actual uso das duas línguas faladas no arquipélago, o português (PCV) e o crioulo cabo-verdiano (LCV). A linha de pesquisa adoptada inspira-se fortemente nos estudos de macrosociolinguística, tomando a situação de contacto de línguas, caracterizadora da sociedade cabo-verdiana, como ponto de partida para o enquadramento de um conjunto de questões seleccionadas para investigação mais aprofundada. São, assim, explorados os processos implicados nesta situação de contacto concreta e os resultados linguísticos decorrentes da mesma, como o bilinguismo ou a diglossia (cf. Cap. 3). Recorrendo a contributos teóricos de áreas associadas e complementares (cf. Cap. 1), foca-se a importância da análise dos domínios em que cada uma das línguas é usada, das redes sociais dos falantes ou das suas atitudes linguísticas. A investigação partiu de uma recolha de dados realizada para o efeito, nas nove ilhas habitadas. As unidades de análise retidas correspondem a uma amostragem de dois grupos sociais distintos: falantes jovens, alunos do ensino secundário (inquiridos por questionário), e falantes adultos cuja profissão implica uma intensa actividade linguística (professores e ‘líderes’, inquiridos por entrevistas semi-dirigidas). Foi usada uma metodologia de recolha o mais rigorosa possível e adoptado o tratamento estatístico de dados (cf. Cap. 2). O confronto dos comportamentos linguísticos e das atitudes das duas gerações inquiridas, com diferentes características (cf. Introdução), forneceu importantes informações sobre a dinâmica linguística da sociedade cabo-verdiana, conclusões essas que serão importantes para a definição de orientações no âmbito da política linguística (cf. Cap. 5). É apresentada, como complemento, uma análise exploratória de alguns aspectos sintácticos atestados nas produções dos indivíduos inquiridos com instrução superior (cf. Cap. 4), um contributo, embora modesto, para a definição da variedade padrão do PCV.The goal of this dissertation is to describe and explain a case study. It aims to present a radiography of the sociolinguistic situation in Cape Verde centered on the contemporary use of languages spoken on the archipelago, i.e. Portuguese (PCV) and Cape Verdean Creole (LCV). Supported by the macro-sociolinguistic theoretical framework and focusing on language contact, pervasive within the Cape Verdean society, it raises a series of questions. Issues such as linguistic processes and outcomes (e.g. bilingualism and diglossia) involved in this specific language contact situation are presented and analyzed in Chapter 3. Based on theoretical contributions of complementary and related fields, Chapter 1 centers on the importance of the analysis of the domains in which each of the languages is used, the configuration of social networks, and the role of linguistic attitudes. This research is based on fieldwork conducted on nine inhabited Cape Verdean islands. The sample is composed of two distinct social groups: young speakers - secondary school students - who have answered to a questionnaire, and adult speakers whose professional life implies intensive linguistic activity (teachers and ‘leaders’) and who have been questioned by semi-structured interviews. Chapter 2 presents the methodology of data collection and the statistical handling of the data. The comparison and contrast of linguistic behavior and attitudes of these two distinct generations (cf. Introduction) has cast light on the linguistic dynamic of the Cape Verdean society, offering important insights as to the future orientations of the linguistic policies in Cape Verde (cf. Chapter 5). Finally, as a complement, this dissertation presents and analyses some of the syntactic features attested in the speech of the informants with superior education (cf. Chapter 4) aiming to contribute, though in still limited way, to the definition of the standard variety of Portuguese spoken in Cape Verde.
Descrição: Tese de doutoramento, Linguística (Sociolinguística), Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras, 2011
URI: http://hdl.handle.net/10451/4699
Appears in Collections:FL - Teses de Doutoramento

Files in This Item:

File Description SizeFormat
ulsd061593_td_anexo_15.pdf125,22 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_14.pdf151,01 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_13.pdf592,61 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_12.pdf395,84 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_11.pdf580,62 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_10.pdf442,1 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_9.pdf404,52 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_8.pdf118,72 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_7.pdf5,62 MBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_6.pdf77,9 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_5.pdf2,46 MBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_4.pdf463,84 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_3.pdf271,53 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_2.pdf113,94 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_anexo_1.pdf307,27 kBAdobe PDFView/Open
ulsd061593_td_tese.pdf4,22 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

  © Universidade de Lisboa / SIBUL
Alameda da Universidade | Cidade Universitária | 1649-004 Lisboa | Portugal
Tel. +351 217967624 | Fax +351 217933624 | repositorio@reitoria.ul.pt - Feedback - Statistics
DeGóis
  Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE